Fazendo música eletrônica com um Ford

Há muitos anos na na década de 90 eu utilizava um pequeno sampler para gravar alguns sons ambientes para colar em músicas eletrônicas criadas com a ajuda do bom e velho teclado M1 da Korg do tecladista do meu projeto da época, minha bateria eletrônica DR-660 da Boss e um teclado DX100 da Yamaha, um filho do lendário DX7. Música eletrônica de qualidade feita de forma totalmente artesanal sem computadores, somente com sequenciadores e com muita coisa sendo tocada na mão mesmo!!

Um dos sons muito utilizados na época era o assoalho do antigo Fusca, que para muitos era considerado um excelente timbre para o bumbo da bateria, e confesso que funcionava muito bem!!

Na última semana encontrei um projeto muito interessante desenvolvido pela empresa Ford, que convidou três artistas muito bem conceituados da cena Techno de Detroit, Joshua Harrison, Keith Kemp e Tom Newmanda para produzir uma música a partir dos sons do Ford Fusion 2013.

O vídeo abaixo mostra um pouco da preparação desse material, e na página internacional do Ford Fusion no Facebook: facebook.com/fordfusion é possível conferir o resultado final.

Ao assistir este vídeo o meu antigo gosto por caçar timbres estranhos para ajudar a compor sequencias com baixos e baterias eletrônicas acabou despertando, e agora acho que vou começar a gastar um tempo maior com estes trabalhos, que certamente contarão com a ajuda de celulares e tablets para a captação do material necessário para a criação dos sons.

Com praticamente todo o conteúdo do blog sendo gerado a partir de experiências e sem a necessidade de busca de notícias com a leitura de feeds e o número reduzido de posts publicados começou a sobrar mais tempo para novos projetos, e chegou a hora de começar a colocar as novidades no ar!! Vamos ver se em breve consigo publicar mais material em áudio e vídeo para o blog e para as outras brincadeiras!

Leave a Reply