Apple divulga lista de Macs e iPhones que se tornarão obsoletos em junho de 2015

Apple-MacBook-Pro-15

Neste final de semana eu encontrei um post no MM com as definições de produto clássico (vintage) e obsoleto, que segunda a empresa, segue a seguinte linha de raciocínio:

Designam-se por produtos vintage todos aqueles que não são fabricados há mais de cinco anos e há menos de sete anos. Designam-se por produtos obsoletos todos aqueles que foram descontinuados há mais de sete anos.

De acordo com o post, “quando um produto é considerado vintage ou obsoleto, a Apple deixa de oferecer serviços de assistência a eles. Há algumas exceções em casos envolvendo hardware vintage, mas quando estamos falando de obsoletos, não tem jeito: para esses não há mesmo nenhum tipo de reparo ou conserto, ao menos não feitos pela Apple ou por centros autorizados.

Agora vamos ver a lista de produtos que a partir do dia 9 de junho de 2015 entrarão para a categoria de obsoletos e vintage no mercado Americano:

Macs (obsoletos na Ásia-Pacífico, Canadá, Europa, Japão, América Latina e Estados Unidos)

  • iMac (20 polegadas, meados de 2007)
  • iMac (24 polegadas, meados de 2007)
  • MacBook Pro (15 polegadas; 2,2/2,4GHz)
  • MacBook Pro (17 polegadas, 2,4GHz)
  • MacBook Pro (17 polegadas, meados de 2009)2

iPhones (vintage nos EUA; obsoletos na Ásia-Pacífico, Canadá, Europa, Japão e América Latina)

  • iPhone original
  • iPhone 3G
  • iPhone 3G (China)
  • iPhone 3GS
  • iPhone 3GS (China)

Outros (obsoletos na Ásia-Pacífico, Canadá, Europa, Japão, América Latina e Estados Unidos)

  • AirPort Express Base Station
  • Xserve (final de 2006)
  • Xserve RAID (SFP, final de 2004)

Ao que tudo indica, pelo menos na descrição dos produtos, o meu Macbook Pro de 15″ polegadas 2,2GHz comprado no final de 2011 e que já apresentou problemas com a GPU que foi trocada com sua placa lógica recentemente não poderá ser salvo caso apresente problemas novamente no futuro. Como fui avisado pela assistência técnica que alguns modelos estavam retornando com o mesmo problema após poucos meses de uso, resolvi reduzir a carga de trabalho nesta máquina para evitar maiores problemas, mas é lamentável saber que não terei mais nenhum tipo de suporte em uma máquina tão cara, com hardware atual e pouco mais de 3 anos de uso.

Apesar de gostar muito dos produtos da Apple acho que tomei a decisão correta com a compra do Dell XPS 13, pois ao menos estou investindo menos na compra de um computador e não vou ficar tão decepcionado com uma eventual perda de suporte no futuro.

 

Leave a Reply