Google lança aplicativo YouTube Creator Studio para ajudar os donos de canais de vídeos

10-youtube-creator-studio-1-600x1065

Na última semana o Google anunciou o lançamento do app YouTube Creator Studio que tem como objetivo ajudar os criadores de conteúdos de canais no YouTube a monitorar seus vídeos ou por meio de ferramentas analíticas, filtrar e responder comentários, personalizar notificações push bem como atualizar detalhes dos vídeos e configurações em geral.

A ferramenta é realmente muito boa para ajudar no gerenciamento de canais do YouTube e vale a pena fazer o download no link YouTube Creator Studio!

Forgotify: Site reúne músicas que nunca foram tocadas no Spotify

Você sabia que no Spotify existem pelo menos 4 milhões de músicas que nunca foram tocadas, nem mesmo uma única vez? Estas músicas corresponde a 20% do acervo do serviço e podem contar com muitas músicas boas que hoje estão totalmente esquecidas.

Para ajudar estes artistas, um grupo de desenvolvedores resolveu lançar o Forgotify, um site que mostra somente este conteúdo e pode ajudar você a encontrar muita música de qualidade e ainda pouco conhecida. Vale a pena fazer uma visita para conhecer!

Via B9.

Vídeo mostra que o status do Facebook pode não ser verdadeiro

No vídeo abaixo o cineasta Shaun Higton criou um curta sobre um homem que procura melhorar o seu status do Facebook com uma vida bem melhor do que a real. Acho que a maior parte do conteúdo que encontramos nas redes sociais como o Facebook não representam exatamente o que acontece na vida das pessoas e o vídeo abaixo representa isso muito bem. Vale a pena conferir!

Problemas com o Feedly no app Reeder do iOS / Mac

feedly

Hoje cedo tentei ler os meus feeds dos meus sites e blogs favoritos utilizando o app Reeder no iPhone sem sucesso e o mesmo aconteceu quando cheguei no trabalho no mesmo app, mas desta vez no Mac. Ao visitar o site Feedly notei que o mesmo estava com o serviço fora do ar e como o Reeder funciona com as informações deste site eu não tinha como fazer a minha leitura.

No Reader existe somente a opção de assinatura de serviços para a sincronização dos feeds RSS, deste modo uma opção para resolver o problema seria tentar importar o arquivo com as assinaturas do site no formato OPML, mas no app Reeder só estava disponível a opção de exportar, o que não era o ideal, mas ao menos ajudava a levantar a versão mais recente da minha lista de sites.

Acabei lembrando do Net News Wire, que permite a importação e exportação de arquivos OPML e em poucos segundos consegui levar ao app minha lista de feeds RSS atualizada do Reeder e em poucos segundos pude ver minha lista de sites favoritos prontos para a leitura! Apesar de gostar muito do Reeder e do Feedly eu não posso depender de um único serviço na nuvem para manter os meus sites favoritos, pois em caso de queda do serviço eu fico sem nenhuma alternativa.

No final das contas voltei para o Net News Wire, pois é muito mais seguro manter minhas assinaturas guardadas nos meus HDs externos e nos serviços Dropbox, Drive e One e sempre disponíveis do que depender de um único site, que quando cai leva todos os outros.

O Spotify finalmente chegou ao Brasil

spotify

Há aproximadamente dois anos eu usei uma conta do Spotify e precisava de um cartão de crédito internacional com endereço americano para efetuar os pagamentos, o que me deixava dependente de uma amiga que fazia mensalmente os pagamentos e emitia uma cobrança via PayPal. O processo de pagamento era simples, mas eu sempre precisava dar um pouco de trabalho para minha amiga, o que não era muito legal.

Quando o Rdio chegou ao país eu decidi migrar para este serviço e deixei de dar trabalho para os outros, mas apesar de ter gostado muito do serviço, senti falta de algumas características do Spotify que não existiam ou simplesmente eram diferentes no Rdio, mas com o tempo acabei acostumando com as diferenças sem nenhum grande problema, afinal de contas, não existe nenhum produto ou serviço perfeito.

Ontem o Spotify finalmente chegou ao Brasil com 30 milhões de músicas no serviço / 1 bilhão de playlists criadas, um valor mensal da assinatura Premium inicialmente cobrado em dólares com cartão internacional no valor de US$ 5,99 (R$ 14,90), sendo que ainda existe uma versão gratuita com algumas limitações e propagandas. A conta Premium permite ouvir músicas em modo offline em até 3 dispositivos diferentes, o que atende bem a minha necessidade.

Ao chegar em casa cancelei o serviço do Rdio e assinei o Spotify, sendo que ao voltar para este serviço pude reencontrar algumas características que faziam muita falta no Rdio como os aplicativos da Billboard e Rolling Stone, as top lists de todos os países do mundo para álbuns e músicas, integração com as redes sociais e um grande número de amigos como usuários, uma bela organização por gêneros, estilos musicais e momentos, o que na minha opinião ajudam muito a fazer a diferença!

Ainda estou em fase de adaptação ao Spotify e sua abordagem um pouco diferente do Rdio e estou construindo minha coleção praticamente do zero neste novo serviço, mas como gosto muito da forma como ele apresenta o conteúdo acredito que em breve terei esquecido totalmente os serviços concorrentes e minha coleção de arquivos de MP3 que foi quase que totalmente apagada recentemente. Se você está pensando em contratar um serviço de música pela internet, vale a pena experimentar o Spotify!

Google lança Histórias no Google+

Google+

O Google lançou uma funcionalidade muito legal chamada Histórias do Google+ que funcionam como uma nova forma de compartilhar as experiências, aventuras, viagens e momentos especiais. As histórias são criadas automaticamente para os usuários do Google+ e incluem as melhores fotos e vídeos em uma linha do tempo, que mostra os destaques de uma viagem ou evento logo depois que ele acontece.

Segundo o Google Discovery as Histórias estarão disponíveis ainda nesta semana para Android e na web e chegarão em breve para iOS e para começar a compartilhar suas Histórias, basta fazer o backup de suas fotos e vídeos no Google+.

A empresa também anunciou a chegada do Google+ Filmes que cria automaticamente filmes de momentos específicos, intercalando vídeos e fotos. Veja como funciona:

Gostei muito destas novidades!

Google passa a Apple e é a marca mais valiosa do mundo

googleoffice

De acordo com o mais recente ranking da BrandZ o Google passou Apple e é a marca mais valiosa do mundo.

“Google tem sido extremamente inovador com o Google Glass, os investimentos em inteligência artificial e uma série de parcerias”, disse Benoit Tranzer, diretor regional da Millward Brown. “Todas essas atividades enviam um sinal muito forte para os consumidores sobre a essência do Google”.

Segundo o ranking, enquanto o Google saltou 40% em relação ao ano passado, para US$ 158.840 bilhões, a Apple caiu 20%, para US$ 147.880 bilhões, sendo que a Apple liderava a lista da BrandZ desde 2011. Será que a falta de novidades está prejudicando a empresa da maçã? Ao que tudo indica a resposta é sim.

Via Google Discovery.

Square Order: Uma nova aposta para pagamentos móveis

Square-Order

A nova aposta disponível para pedidos em lojas, cafés e restaurantes San Francisco e New York é o Square Order, que permite que você escolha os produtos em suas lojas e restaurantes favoritos, efetue o pagamento e ainda receba uma notificação quando seu pedido estiver pronto, para retirar pessoalmente e ir embora.

Segundo indica a empresa, “Faça pedidos para viagem de lojas, cafés e restaurantes locais. É só baixar o aplicativo Square Order, pedir o que você quiser e buscar na hora.” Veja mais detalhes no link https://squareup.com/order. Será que agora a solução vai conseguir emplacar?

Google Now agora responde por voz em português

google-now-voz-600x339

O Google lançou ontem uma nova versão do app de Pesquisa que passou a entregar aos brasileiros resultados das buscas em voz alta e em Português.

“Faz 15 anos que o Google evolui para transformar a busca em uma ferramenta que entende exatamente o que o usuário procura e devolve a informação que ele precisa. Hoje, damos mais um passo nessa direção, tornando a interação dos usuários com a busca ainda mais natural com base em tecnologias de reconhecimento e síntese de voz em Português”, diz Bruno Possas, Engenheiro-Chefe de Buscas do Google em Belo Horizonte.

Como parte da evolução para oferecer informação relevante e instantânea, o Google tem a capacidade de entender o contexto das buscas no formato de um diálogo. Por exemplo, ao perguntar “Quem é Cléo Pires?” e em seguida “Quem são os pais dela?” e “Ela tem irmãos?”, todas as respostas são relacionadas à atriz. Para utilizar a ferramenta, basta clicar no ícone do microfone na barra de busca e fazer a sua pergunta ou falar “Ok Google Now”no Moto X, sendo possível buscar desde calorias de alimentos, previsão do tempo, informações de datas comemorativas ou até curiosidades. Veja alguns exemplos:

  • Quantas calorias tem uma maçã?
  • Como está o trânsito até o Pacaembu?
  • O Palmeiras ganhou o último jogo?
  • Quem inventou o telefone?
  • Vai chover amanhã?
  • Qual é o elenco de Faroeste Caboclo?
  • Qual é a duração do filme Era Do Gelo 4?
  • Getúlio Vargas morreu de quê?

As novas funcionalidades transformam o smartphone em um assistente capaz de responder perguntas específicas como “Onde fica a farmácia mais próxima?” ou “Qual é o melhor caminho para minha casa?”.

A Pesquisa do Google atualizada está disponível para os mais de 105 milhões de usuários de Internet no Brasil em qualquer dispositivo móvel com sistema operacional Android ou iOS e no navegador Chrome.

Ótima dica do Google Discovery.

Yik Yak: App anônimo é o pesadelo de todo adolescente

YikYak

Yik Yak é um novo app que anda crescendo muito nos Estados Unidos pelos adolescentes e que funciona como uma timeline totalmente anônima em que qualquer um em um raio de pouco mais de 2km pode ver e comentar. Pode falar o que quiser sem que ninguém saiba a identidade, o que pode ser extremamente ruim e até um pouco perigoso, um verdadeiro pesadelo para qualquer adolescente.

O app foi bloqueado em vários colégios, sendo que para ter uma ideia de como a coisa está lá nos Estados Unidos, veja este comentário da App Store sobre o app:

“As coisas que eu li nesse aplicativo são terríveis. Sempre há pessoas colocando outras para baixo e chamando-as de nomes ofensivos. Eu vi posts de pessoas que eu conheço e sobre mim que foram uma grande ofensa para mim. Eu vi publicações maliciosas sobre professores e estou envergonhado de ir na mesmo colégio que pessoas como essas”.

Será que não deve existir um limite para o anonimato para evitar este tipo de problema?

Via Youpix.