Abril anuncia versão exclusiva da revista Veja para iPad

Com o iPad eu comecei a consumir muito mais livros e revistas, pois acho muito mais fácil poder ter as versões digitais das publicações reunidas em um aparelho. A estante ficou mais vazia, mas estou lendo bastante!!

Ainda não tenho muitas revistas no aparelho, mas nos últimos meses eu criei o hábito de comprar a revista Wired, que chega ao Brasil em papel por um preço que gira em torno de 30 reais, e na App Store é vendida por 3,99 dólares, o que é um preço excelente! Ainda não existem publicações nacionais do mesmo nível da Wired, mas nesta semana a Abril anunciou que a revista Veja ganhará uma versão semanal exclusiva para o iPad, a partir do dia 4 de setembro.

Segundo informações iniciais a revista seguirá a linha da Wired, e contará como diferencial a adição de infográficos interativos e vídeos embutidos dentro das matérias, usando a maioria das possibilidades do tablet da Apple. O preço da Veja na versão digital será o mesmo da revista impressa (R$ 8,90), o que não deve ajudar muito nas vendas, pois não existe nenhum sentido na publicação digital, que não usa papel e não precisa ser distribuída nas bancas custar o mesmo preço.

A primeira edição vendida online será a 2181, do dia 4 de setembro que poderá ser adquirida após o download gratuito de um aplicativo na App Store, seguindo o exemplo da Wired.

Por um lado fico feliz em eliminar de vez a versão de papel das revistas, mas por outro eu continuo achando os preços das publicações digitais no Brasil um pouco elevado. Seria o medo de perder as vendas das versões impressas? Pode ser…

Via Gizmodo.

10 comentários em “Abril anuncia versão exclusiva da revista Veja para iPad

  1. Um famoso Jornal brasileiro já encerrou sua versão em “papel” mantendo agora apenas seu site no ar… interessante essa versão da veja “desenhada” para o Ipad.

  2. medo?? Acho q não, pq com certeza o retorno deve ser muito maior, eu acho que o preco alto tem mais motivos de ganância do que de medo…

  3. @gil… acho que brevemente toda forma de mídia irá caminhar para esse modelo “virtual” acredito que o meio físico ira cada vez ser menor… as traças que se cuidem…

  4. Concordo com o Gil. A ganância é a razão dos preços altos. Mas o mercado vai dar o troco mais na frente. Pois ao contrário do que pensam os editores, os serviços digitais não tiram leitores às revistas, o fraco nível de conteúdo,sim. Só existe uma maneira de contrabalancear a “gratuitidade” de sites informativos: Rigor e trabalho jornalístico bem feito. Costumo acompanhar um site de entretenimento chamado Omelete (desculpe a propaganda) pela simples razão que nenhuma revista impressa nacional consegue ser tão boa quanto este site na quantidade e qualidade das informações e críticas dos assuntos em questão. O consumidor procura qualidade. O problema da Veja é que qualidade é distribuída homeopaticamente em suas páginas.

  5. aos poucos a midia impressa vai morrendo..

    adoro a digital… super prático… e com video embutido então.. links..etc.. papel para que ?

    ps. lembrei livros em papel para coleção.. aqueles produzidos para este fim .. mostrar aos amigos..rsrs

  6. Esse preço é um verdadeiro absurdo… um roubo dos grandes! Como pode ser cobrado o mesmo valor de mídia impressa? Ganancia mesmo desses miseráveis… eu boicoto, e acho que todo mundo deveria fazer o mesmo! aliás acho um absurdo essa veja custar isso, só tem propaganda! mais de um terço da revista é propaganda… quase nada de conteúdo! deviam distribuir essa revista de graça, afinal eles já arrecadam fortuna com a venda de propoganda.
    Desculpe o desabafo!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.