Motorola Defy: Novo smartphone com Android suporta água, poeira e quedas

Durante o evento da empresa Motorola desta manhã foi apresentado um novo modelo chamado Defy, um Android 2.1 com processador de 800MHz, 512MB de RAM, tela touch capacitiva HVGA de 3,7 polegadas e câmera de 5MP. As configurações são comuns aos modelos intermediários, mas a diferença está na construção do aparelho, que foi desenvolvido para suportar água, poeira, arranhões na tela e até quedas, e deverá chegar ao mercado brasileiro no final do mês de outubro.

O Motorola Defy será comercializado pelos preços entre R$1.399 e R$1.499 desbloqueado, e deve ser uma opção muito interessante para aqueles usuários um pouco mais desastrados!!

Para conhecer mais detalhes visite o link do aparelho Motorola Defy.

11 comentários em “Motorola Defy: Novo smartphone com Android suporta água, poeira e quedas

  1. Legal saber que a Motorola pretende trazer esse aparelho pro Brasil,fiquei interessado em sua configuração bastante razoável.Só espero que futuramente haja upgrade pro Froyo!!Acho que vou dar mais um crédito a Motorola…

  2. Este é o caminho para os novos lançamentos.
    Celular a prova de quebra para aguentar o ataque de raiva dos usuários quando descobrem que pagaram uma nota por algo que não funciona direito…KKKKKKKK

  3. “Motorola Defy: Novo smartphone com Android suporta água, poeira e quedas”

    Só não suporta a mediocridade da fabricante…

  4. Gostei, pela foto parece ser o mais bonito entre os lançamentos da Motorola. Mas se é resistente a água, a bateria é removível? Gosto de poder trocar a bateria do meu smartphone ao invés de correr para uma tomada, acho mais prático e rapido…

  5. Gostei… Parece que a Motorola esta no caminho certo.
    To em dúvida entre o Nokia N8 e o Motorola Defy… Esperar pra ver e escolher.

  6. É impressão minha ou teremos mais um com aparencia de iPhone, esse é um dos motivos de nao trocar meu Desire pelo Galaxy S, e agora mais esse.

  7. Saitojr ele abre a tampa traseira sim, da pra tirar bateria na boa. Inclusive o chip e cartão da memória ficam no compartimento da bateria.

  8. Segundo o artigo 26, II, do CPC, o direito de reclamar pelos vícios aparentes ou de fácil constatação caduca em 90 (noventa) dias. Como o defeito no alto falante é aparente e de fácil constatação, quem não conseguir a troca do aparelho vai ter que buscar o auxílio do Poder Judiciário, senão, nem a garantia vai servir, pois, aí não tem como ajuizar ação buscando ressarcimento e nem a garantia vai ajudar em nada !
    Mais informações em: http://www.defyto.wordpress.com.br

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.