Computadores, tabets e celulares na estrada

Nos últimos dias passei um bom tempo na estrada, levando na bagagem o Macbook Pro, um HD externo com arquivos de trabalho e vídeos, o iPhone 4 e o iPad. Durante estes dias não pude contar com uma boa conexão com a operadora Vivo, sendo que em um único dia eu consegui um cabo para conectar à rede com uma boa velocidade.

Nas poucas vezes que consegui conectar à rede com o celular, utilizei o Macbook Pro com o iPhone como modem via cabo ou bluetooth, e o iPad ficou totalmente desconectado neste período. O computador foi utilizado para a digitação de textos e acabou servindo como uma espécie de backup para emergências, e o iPad desconectado ajudou na leitura de livros, revistas, digitação de textos e games.

Mesmo com a falta da conexão, senti falta do aplicativo para conectar à internet via WiFi que utilizava no iPhone 3GS com Jailbreak, mas no final das contas percebi que com alguns aplicativos adicionais eu poderia ter levado apenas um tablet. Acho que no meu caso a melhor opção seria legar para a estrada seria um iPad de 64 GB com WiFi e 3G com um teclado bluetooth, deixando o Notebook em casa programado para ligar e desligar automaticamente durante o dia para o acesso a determinados arquivos em caso de emergência.

Como fiquei offline na maior parte do tempo, o tablet serviria somente para escrever textos, responder emails e criar rascunhos de posts que seriam publicados quando a internet estivesse disponível. Alguns filmes e séries poderiam ser salvos na memória do tablet para garantir alguns momentos de diversão no carro para minha filha e durante o período da noite antes de dormir.

Neste período fora de casa pude notar que na maior parte do tempo um tablet com acesso à rede WiFi e 3G com uma boa capacidade (64GB) e acesso ao computador ligado em casa pode resolver a maior parte dos problemas de forma simples, rápida e com muito menos peso na bagagem! E você, conseguiria trabalhar somente com um tablet com Android ou IOS (iPad) com teclado bluetooth durante as férias? Deixe sua opinião nos comentários!

Powered by Qumana

18 comentários em “Computadores, tabets e celulares na estrada

  1. Acho que pra mim daria numa boa, já que usaria ele somente pra lazer, mas gostaria de levar um Galaxy Tab ao invés de um iPad, já que posso também fazer fotos, vídeo, vídeo-chamada, além de ter um tamanho muito mais portátil e servir como um “celularzão”.

  2. Comprei um tablet android, genérico, neste fim de ano. Estou esperando chegar, mas creio que vá ser interessante.
    Assim que receber faço um review e conto minha experiência com ele.

    Por enquanto, uso o Milestone para consumir conteúdo enquanto estou longe do computador, e uso a mesma técnica, de acessar remotamente o pc quando preciso de algum arquivo que não está na dropbox, por exemplo.

    Mas Rodrigo, eu acrescentaria uma dica: ao invés de programar o boot automático do computador, utilize o Wake On Lan. É o que faço aqui. Ligo a máquina remotamente (através do DynDns, que configura o ip automaticamente) e só dou o boot quando é necessário. Assim economizo energia.

    Abraço e Feliz Ano Novo!

  3. Rodrigo, já tem pouco mais de um mês que só uso o Galaxy Tab para navegar na Internet, ver filmes quando viajo ou para responder emails. Cheguei a vender meu netbook e só uso o pc de casa para elaborar um texto mais longo ou baixar arquivos durante a noite. É a era mobile, praticidade é tudo! 🙂

  4. Nas minhas ferias eu levei: um iPad, um iPhone 4 e um netbook + um HD externo, no final das contas o netbook nem saiu da maletinha, o meu iPhone 4 serviu de modem para o iPad com o aplicativo mywi, e na estrada foi o meu GPS, como só precisava acessar o servidor da empresa e não digitar textos longos o iPad substituiu totalmente o netbook, o notebook ficou em casa… Mas, o meu setup só foi possível graças ao jailbreak no iPhone 4, uma vez que infelizmente a Apple não implementou compartilhamento via wifi da rede de dados, mas se o meu iPad fosse o 3G não precisaria do iPhone para essa finalidade.

  5. Nesse fim de semana de ano novo levei somente o iPad, que no meu caso corresponde ao que vc descreve como ideal, o de 64 GB com 3G. Serviu como um canivete suíço! Como GPS utilizando o CoPilot; como dispositivo de acesso à web, e-mail, Twitter e Facebook; como player de música, vídeo e até rádios brasileiras(em plena Europa!) durante o percurso. Serviu ainda para jogar o infinito Infinity Blade, Iron Man e Sim City. Como digito pouca coisa e por um período de tempo curto não senti falta do teclado bluetooth, o que não é o seu caso. Só senti falta de uma maior integração entre o smartphone e o iPad, talvez com o iPhone 4 seja melhor, mas com o 5800 não rolou… A rede 3G da Vodafone Portugal é excelente e nunca me deixou com menos de 3 Mbps de download com picos de 6! O mais legal é que em determinados locais (shoppings, hotéis, restaurantes) é possível usar a rede WiFi da Vodafone, aumentando consideravelmente a velocidade. A minha opinião é que o iPad está com nota 8,5 no teste até agora, faltando apenas uma melhor “comunicação” com outros dispositivos via bluetooth.

  6. O que mata no Galaxy é o tamanho da tela, pra navegar voce tem que ficar dando zoom direto, no iPad a leitura é muito mais confortável, o navegador é mais fluido sem lags, outra grande vantagem do iPad é a bateria que pode ficar fora da tomada a todo vapor por 11 horas numa boa, quanto a camera, vão me perdoar mas contar com uma camera de 3.2 e um tablet para tirar fotos é muito pouco pratico, nisso eu prefiro o meu smart que filma em HD e tira fotos decentes, mas gosto é gosto, quanto a gambiarra do colega aí de cima, sera que ele esqueceu que existe iPad 3G também? 😛

  7. Desculpa o off-topic, mas se vc ou algum colega souber responder eu agradeço:
    Fiz o cadastro no livraria Saraiva (com um endereço brasileiro), baixei o aplicativo para iPad e quando tentei comprar um livro não pude! A mensagem dizia que “Venda de conteúdo digital disponível apenas para compras no território brasileiro”. Isso é uma piada, não é? Quer dizer que não se pode comprar um conteúdo digital a partir de um IP fora do Brasil? Para que livraria digital então? Isso é um impedimento das leis brasileiras?

  8. 11 horas de autonomia deve ser muito útil pra quem faz viagens intercontinentais… pra mim não faz diferença, nunca fico mais do que algumas horas longe de uma fonte de energia.

    Também nunca tive problemas com “rolagem da tela”… leio em tela cheia sem problemas, e a grande maioria dos sites que leio só mostra conteúdo de fato em uns 60% da tela, o lado direito costuma ser só anúncios :p

    Em compensação achei o Galaxy Tab muito mais prático no uso do dia-a-dia. Ele é mais leve, mais portátil, mais discreto… é tão prático quanto carregar uma agenda e com uma capinha de couro ele efetivamente se passa por uma mesmo aberto.

    Já o iPad tive a oportunidade de usar por alguns dias e achei mais “trambolho”. Grande demais, pesado demais pra segurar como um livro por muito tempo, e principalmente, chama atenção demais.

  9. Rodrigo, sei que não é o assunto desse topico aki, mais queria uma ajuda, atualizei o ios do iphone pq vi que atualizando poderia criar uma conta na mobileme grátis, mais atualizei e não deu, informa que so iphone 4, itouch 4 e ipad podem. conhece algum jeito de criar uma conta de graça?

    obs. meu iphone é o 3gs por isso não consegui

  10. Em viajem minha esposa levou o netbook e eu apenas o iPhone carregado com uns seriados, muitos podcasts e com ele acessava meus emails, o site dos bancos, etc..

    Não senti falta de nada… só com o iPhone eu me viro bem…

  11. @Dimas,
    Acho que são para usuários como eu e o Jonas(com o iPad) e vc (com o Tab) que o Rodrigo fala que cada dispositivo deve adequar-se ao perfil do usuário e não contrário! Eu tentei usar o Tab por uns dias, mas achei a tela mesmo pequena. Uma das razões principais para minha escolha foi essa. Ao contrário de vc, eu preciso que o tablet passe longe da tomada durante todo dia, só carregando a noite. Por essa outra razão o Tab era pouco prático para mim. Tb não precisava da câmera, pois a do meu smartphone me dá boas imagens. Mas isso sou eu, para outros perfis acredito que o Tab seja uma boa compra. Abraço.

  12. Utilizo um Netbook Asus EP1005, tela de 10″ baixo consumo por ser de LED, autonomia de 8hs, com wi-fi ligado e brilho em 50%.

    Para minhas necessidades ele é suficiente.

  13. @Reinaldo,
    Eu indicaria essa versão. No meu já coloquei TODAS as minhas músicas, TODAS as minhas fotografias, uns 5 filmes, toda a temporada 4 (até agora) de “The Big Bang Theory”, uns 20 livros, uns 20 jogos (alguns bem pesados como N.O.V.A. e Infinity Blade), além de edições de revistas e jornais (Veja, Época, O Globo, Wired, Project, etc.) e ainda tenho uns 28 GB livres.

  14. poxa eu to louca por um tablet mas to sem dimdim eu vou pedir aos meu pais tomara q eles me deem o tables rsrsrsrsrsrsrsrsrs

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.