Customizações do Android podem ter que passar por aprovação

Eu nunca fui um grande fã das interfaces customizadas e desenvolvidas para os celulares com o sistema operacional Android, pois na minha opinião nem sempre o benefício destas novidades não compensam a espera pela atualização do aparelho, pois os fabricantes nunca são rápidos para liberar os updates disponibilizados pela Google.

Mas agora segundo algumas fontes do site BusinessWeek ‘uma dúzia de executivos de grandes fabricantes’ que receberam recentemente as novas regras do jogo direto do criador do Android, sendo que de acordo com as novas regras, qualquer empresa que produza celulares Android e personalize o sistema deverão primeiro buscar a aprovação das suas inclusões com Andy Rubin, o líder de desenvolvimento da plataforma. Caso não aceitem as novas regras as empresas não terão acesso mais cedo às novas versões do sistema quando o Google desenvolvê-las.

Será que os fabricantes vão optar por lançar seus aparelhos com um certo atraso ou o “Android puro” começará a ganhar força no mercado? Vamos esperar para ver, mas eu torço pela segunda alternativa!

Via Tecnoblog.

15 comentários em “Customizações do Android podem ter que passar por aprovação

  1. É verdade.. o Android puro seria melhor, mas tambem seria uma pena perder uma interface linda igual a SenseUI da HTC. Na minha opinião é a melhor interface ja feita para celulares.

  2. Ótima iniciativa. Ao meu ver, desde o início deveria ter sido assim. Todos com interface idéntica, quem quiser customizar que instale aquilo que achar melhor.

  3. Mais do que nunca prevalece a liberdade, porém de forma mais madura com bom senso assim como tem sido desde o desenvolvimento inicial do OS até agora. As opções são:

    . a fabricante quer chegar com novo OS rápido para o usuário, o Android vai puro;

    . quer customizar, além de perder tempo ainda corre o risco da não aprovação da customização por ferir as regras de implantação

  4. Acredito que a Nokia preferiu “Vender” a sua divisão de Smart Top à Microsoft a ter que se “sujeitar” ao Consórcio Android.

  5. Cara, eu não conheço o Sense UI da HTC, eu tenho um Nexus One e minha esposa tem um Galaxy S e eu achei a interface do Galaxy um nojo… Trava, complicada, no menu de aplicações ela não organiza direito, as ultimas aplicações instaladas ficam no final sem nenhum critério… Horrível, parece até o menu do iPhone (foi mal Apple, mas o menu do iPhone é péssimo).

    Fora outras questões, as aplicações de contatos, agenda, são todas diferentes e piores, diga-se de passagem…
    Mil vezes a interface do Android puro, sem a menor sombra de duvida… Acho que um certo controle em cima disso não seria nada ruim, traria um pouco de padrão para o Android, para que a experiência seja mais parecida entre os aparelhos de diferentes fabricantes e principalmente agilizar as atualizações, que melhoraram, mas ainda estão longe do ideal…

  6. Sou fã e prefiro muiiiito mais o Android puro…Sempre tive sorte com os Androids pq o meu primeiro o Spice e o Milestone vieram sem o Motoblur…. para mim não agrega valor nenhum… Usei um Galaxy 5 e axei que sua interface é cheia de labirintos que não levam a nada…rs Gostava muito da interface do meu Nokia E51…simples e funcional…quem quiser uma interface customizada que use os Launchers…. (Só fazendo um paralelo…usei por um tempo o Ubuntu e ele tem aqueles multiplos desktops… no final de uma mes vc acaba só usando o primeiro…rs)

  7. Infelizmente, o que a google esta tentando fazer é modificar a licensa, do Android, para não ser mais software livre. Ela esta querendo ter as mesmas “armas” da Apple.
    A questão é, como ela usa o kernel do Linux, ela pode fazer isto?
    Este será o primeiro e verdadeiro teste para a licensa GPL. Se a Google conseguir, já era a licensa GPL.

  8. @Rodrigo,
    As mesmas que o iOS, ou seja todos os aparelhos são atualizados mundialmente, independentemente do país ou operadora. Acabaria com a fragmentação do Android. Então vc pergunta. “Por que a Google não fez isso antes?” Simples. Tinha que criar uma base de mercado grande, pois ao contrário da Apple a Google não fabrica o hardware. Mesmo os Nexus são feitos por diversos fabricantes. O One foi pela HTC, o S pela Samsung, o Nexus Tablet deve vir pela LG. É uma maneira de deixar todo mundo contente. Enquanto isso os usuários dos Androids genéricos servem como cobaias de mercado e fonte de lucro para o Android Market. O engraçado é que ninguém reclama do fato de apenas os Nexus terem a versão mais atualizada do Android…

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.