Home Office: Quais são os prós e contras de trabalhar em casa?

Desde 2007 eu trabalho em casa pela internet, alternando com algumas reuniões e eventos fora de casa e palestras em escolas e empresas e não consigo mais imaginar uma vida dentro de uma empresa, apesar das inúmeras vantagens e benefícios. Trabalhando sozinho em casa preciso matar um leão por dia para chegar ao final do mês com o dinheiro para pagar as contas, as despesas extras e ainda fazer uma economia para emergências, mas mesmo assim esta vida vale a pena!

Hoje, inspirado por um post do Unplggd resolvi fazer uma lista com as vantagens e desvantagens de trabalhar em casa de acordo com meu ponto de vista e experiência nos últimos anos. Vamos dar uma olhada na minha lista:

As vantagens:
1. Posso evitar o trânsito da cidade
2. Troquei o terno pela dupla jeans e camiseta
3. Dedico uma boa parte do dia para minha família (esposa e filha)
4. Não tenho chefe
5. Posso escolher meu trabalho e parcerias

As desvantagens:
1. Preciso fazer o dinheiro todos os meses, que sempre começam zerados 
2. Nunca saio do escritório e às vezes faz falta ver gente em casa (na parte da manhã fico sozinho e no período da tarde fico com minha filha)
3. Não tenho um departamento de TI para ajudar nos problemas com máquinas / sites 
4. Preciso trabalhar mesmo nos sábados, domingos, feriados e férias, mesmo que com uma carga reduzida
5. Precisa de uma quantidade gigantesca de motivação

Na sua opinião, quais são os pontos positivos e negativos de trabalhar em casa?

16 comentários em “Home Office: Quais são os prós e contras de trabalhar em casa?

  1. Rodrigo,

    Acho que houve uma confusão no conceito do home office/trabalho liberal com home based.
    Eu sou funcionário de uma empresa e trabalho home based, com a empresa oferecendo toda infra-estrutura (internet, telefone, celular, laptop, multi-funcional, etc) para se trabalhar realmente de casa.
    Pesquisas hoje mostram que o rendimento desse tipo de funcionário é em torno de 30% maior do que os office based.
    Existe todas as vantagens que você mencionou, sem as desvantagens por ser um funcionário contratado (holerite com salário fixo no fim do mês, departamento de IT, contrato de “supostas” 40 horas/semana, etc).
    Quanto a trabalhar sozinho, mesmo que você converse o dia inteiro no telefone e internet, concordo plenamente com a falta de ver “pessoas” e ter aqueles momentos de descontração que um escritório proporciona.
    No meu caso, não diria motivação, mas precisar de uma gigantesca organização/determinação.
    Abraço

    Curtir

  2. Sou empresário e presto consultoria na área de telecom, trabalhando como PJ. Trabalhei meus primeiros 2 anos em casa, alugando uma sala quando precisava fazer reuniões mais formais.
    Com o tempo o rendimento foi caindo, a partir do momento que um pouco de organização ou insatisfação começava, tudo virava uma bola de neve. Até o dia que num projeto que estava atrasado, me deparei com documentos acumulados entre meu espaço de trabalho e espaço pessoal. Tudo se confundiu e na minha opinião comprar uma sala e sair de casa foi uma terapia.
    Mas parte do stress é de estar numa iniciativa solo, gostaria de experimentar esse conceito que o Daniel vive.

    Curtir

  3. Trabalhar em casa entranha “determinados vícios” na pessoa, que dificilmente se readaptará a uma vida de horários e de “continência” ao patronato.

    Realmente a razão monetária é um argumento de pura adrenalina, mas se analisarmos bem a situação, não é assim tão diferente das “agonias” com que o boss se debate quotidianamente na empresa, redobrada em não só se sustentar a si próprio, mas também zelar para que ao final do mês haja para os seus funcionários.

    A vida é toda ela uma luta, seja em casa ou fora dela, o segredo de se conseguir sucesso está em fazer aquilo que se gosta e que se tem vocação 😉

    Força Rodrigo! Aqui em Portugal também não é fácil 🙂

    Curtir

  4. Rodrigo, concordo com o que foi dito pelo Daniel.

    Também sou funcionária de uma empresa, e eles me oferecem todo o suporte necessário.

    A única coisa que realmente sinto falta é o contato com as pessoas, mas nada me impede de dar as caras no escritório sempre que eu quiser.

    Curtir

  5. Olá,

    Sempre trabalhei em casa, mas sentia a necessidade de um local para receber meus clientes(sou arquiteta), então crei um Escritório Virtual, que funciona justamente para quem trabalha em casa, mas necessita de um suporte, um endereço para divulgar e marcar suas reuniões, um atendimento telefonico mais profissional. Site:www.pboffice.com.br ee vc foca somente no seu interesse e nós te representamos.

    Curtir

  6. Tenho uma empresa de consultoria em Comunicação e trabalho em casa muitas vezes. Sinto falta de contato com outros profissionais para trocar ideia, mas consigo me organizar melhor e buscar mais inspiração em meu ambiente.

    Curtir

  7. As vantagens de ser corretor “lavadeira”. Quem trabalha em casa é lavadeira.
    1. Nem sei mais para que lado fica o Centro
    2. Trabalho de short, chinelo e camiseta
    3. Esposa trabalha fora, e cachorro não enche o saco
    4. Não tenho chefe desde 1990
    5. Não vejo ninguém há anos
    6. Nunca trabalho mais do que 6 h/dia
    7. Tenho mais tempo para estudar
    As desvantagens:
    1. Preciso fazer o dinheiro todos os meses
    2. Sou: TI, publicitário, faxineiro, administrativo, secretário, boy, marketing, etc da minha empresa

    Curtir

  8. Rodrigo essa lista de contras é relativa…vc nao precisa trabalhar de fds pelo fato de estar em casa… o que conta é seu controle de tempo….

    Curtir

  9. Vantagens:
    O conforto da casa
    Facilidade para legalizar o negócio (é mais fácil pegar um alvará de autônomo sem sala estabelecida do que com sala para atendimento ao público)
    Evitar o stress do trânsito e da cidade em geral
    Redução de custos, já que a casa já está paga mesmo
    Possibilidade de resolver problemas de casa, como recebimento de encomendas

    Desvantagens:
    O conforto da casa: requer disciplina para que ele não tire o “espírito de trabalho”.
    Falta de separação da hora de lazer da hora de trabalho
    Falta de suporte de outros profissionais
    Falta de contato humano, incluindo a diminuição do reconhecimento social do profissional
    Ainda uma falta de valorização do mercado, pois te vêm como um “gurizão que tá começando”. E com isso, dificilmente dá pra cobrar um preço legal pelo trabalho.
    Dependendo da casa, torna-se impossível receber clientes.
    O profissional freelancer precisa dar conta de vários processos além da própria alçada, assim como um empreendedor iniciando seu negócio. Ou isso, ou terceirizar.
    A comodidade de conversar com colegas de trabalho pela internet fazia com que eu só quisesse falar pela internet, não tinha disposição para telefonar. E nisso, geralmente ocorriam muitos mal entendidos e brigas.

    Eu trabalhei por quatro anos na minha própria residência, e achei uma maravilha por um bom tempo, pois sempre fui disciplinado, conseguindo trabalhar tranquilamente mesmo com a cama ao meu lado me olhando.
    Porém, à medida em que fui conhecendo o funcionamento da minha própria cabeça e outras questões de posicionamento profissional, vi que trabalhar em casa ia me levar para uma vida de mediocridade e stress exagerado. Hoje tenho um escritório (e sempre que marco reunião com clientes pergunto: “prefere que eu faça o atendimento no seu escritório? Se preferir, posso recebê-lo aqui no meu escritório”) e estou extremamente feliz com a separação trabalho/casa.

    Curtir

  10. Acho péssimo trabalhar somente em casa, tenho 32 anos e fiquei 2 anos vivendo de operações na bolsa que é uma área que estudei muito e tenho condiçoes de viver disso mas cheguei a conclusão que trabalhar sem contato com pessoas e ficar em casa o dia todo estava me deixando maluco e uma pessoa preguiçosa, sem motivação na vida. Que eu fiz? Voltei pro comercio pois gosto do contato com meus funcionários e a vida mais agitada que se tem sendo proprietario de supermercados tenho 3 no Rio de Janeiro e me da um trabalho enorme pois nao tenho sócio é somente eu o irmao e pai tomando conta mas mesmo assim prefiro!!
    Como a maioria das pessoas não são empresarias devem se preocupar em ter a carteira assinada!!!! (fgts!! inss!! e outros direitos q todos sabemos que se tem quando é empregado! Se vc ficar doente kd a empresa pra dar um suporte??? No meu caso tenho uma estrutura grande e tudo nao depende somente de mim por isso nao tenho problemas com isso

    Curtir

  11. Vantagens
    Evitar o stress do trânsito e da cidade em geral
    Redução de custos, IPTU, Luz, Condominio, Gasolina, Etc
    Desvantagens
    Não tem hora para terminar, Meia_Noite, Etc
    Se trabalhar em escritorio o vigia viria dizer que ia domir e que batesse na porta para abrir a recepção, qdo não dava fugidas para pegar as graxeiras.

    Curtir

  12. Bem Rodrigo, trabalho em casa a uns dois anos e sem dúvida a maior dificuldade é a motivação e estar quase o tempo todo sozinho.
    Sinto falta da convivência num ambiente de trabalho tradicional e também meu Networking deu uma estacionada.
    Mas também gosto muito de ser dono do meu tempo e todas as suas implicações.

    Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.