Mobly: Empresa adota regime de home office permanente

Há alguns bons anos eu trabalhei em home office por um longo período, até que surgiu uma oportunidade de voltar ao mercado, sendo que após 8 anos eu voltei para o meu antigo trabalho, agora renovado e com maior potencial para buscar resultados. Estou desde o início da quarentena, quando saí de meu último emprego trabalhando em casa e confesso que só voltaria para o escritório com uma proposta de alto valor, pois hoje estou muito feliz com a minha independência e possibilidades! 😉

Hoje eu recebi um release de imprensa da Mobli, startup focada no mercado de móveis e itens de decoração, indicando que a mesma adotou o regime de home office permanente, para ampliar sua capacidade de contratação, reduzir custos e oferecer mais conforto aos colaboradores. De acordo com a empresa, a decisão leva em consideração uma série de fatores relacionados à produtividade e à boa adaptação da equipe ao modelo desde o início da pandemia do novo coronavírus, e prevê medidas de suporte na montagem das estações remotas, além de um novo escritório físico, disponível para diferentes situações.

“Manteremos uma rotina de encontros pessoais das áreas e teremos muito mais eventos corporativos (sejam de treinamento, informativos ou sociais). Assim, nossas relações ficarão ainda mais fortes”, explica Victor Noda, CEO founder da Mobly.

Uma pesquisa realizada pela empresa entre seus funcionários revelou que mais de 80% preferem o home office, alegando como principal vantagem a redução drástica do tempo de deslocamento até o trabalho, além do aumento da qualidade de convivência familiar e da economia com despesas de alimentação.

A parcela que prefere retornar ao escritório, em sua maioria, justifica não possuir estrutura adequada em casa (cadeira, mesa e internet). Outros explicam ainda que falta tranquilidade em casa para o trabalho, por dividirem o espaço com o restante da família e filhos. Por esse motivo, a Mobly está estruturando um novo escritório, localizado na zona sul de São Paulo, em cima da Mega Store Mobly, que servirá como um ponto de apoio, com salas de reunião, estações de trabalho e infraestrutura geral, com capacidade para até cem pessoas.

Hoje a Mobly possui um quadro de 600 colaboradores. Esse novo modelo de trabalho se aplicará a 50% do time, pois os demais atuam na área de logística ou trabalham nas lojas físicas. Além de acesso à internet, computadores e cadeiras ergonômicas que serão cedidos pela empresa, os funcionários poderão optar por vale-alimentação ou refeição, além do novo escritório físico à disposição.

Noda também explica que este novo cenário amplia muito o potencial de contratação de novos colaboradores, pois agora pessoas de todo o território nacional poderão integrar o time. “Isso será especialmente relevante para as áreas de tecnologia, nas quais há uma grande escassez de recursos. Fará uma grande diferença”, completa.

Neste momento, a Mobly contrata nas áreas de tecnologia, planejamento comercial, expansão e gestão de franquias, marketing, logística etc. As vagas estão disponíveis para adesão por meio do site: http://jobs.kenoby.com/mobly.

Pode não ser tão legal quanto trabalhar em casa em seu próprio negócio (pelo menos na minha opinião), mas de qualquer forma deve ser ótimo entrar em uma empresa com este tipo de iniciativa, não é mesmo?

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.