Ecossistema Galaxy oferece uso integrado da S Pen com tablets e notebooks da Samsung

Uma importante aliada para a criação de ilustrações, artes, pinturas digitais, textos e até mesmo anotações de reuniões importantes, a S Pen é um acessório resistente e versátil para otimizar sua rotina. Além disso, a mesma S Pen do seu Galaxy Tab S9 pode ser utilizada no seu Galaxy Book4 360, reforçando a integração do Ecossistema Galaxy como um facilitador no dia a dia das pessoas.

Com alta precisão para a criação de ilustrações e artes em geral, a S Pen conta ainda com a classificação IP681, que garante resistência à água e poeira para que você possa criar de onde quiser. A Galaxy S Pen se comunica com o Tab S9 à distância por meio do recurso Air Gestures, para avançar e voltar slides durante suas apresentações e até mesmo para controlar o seu tablet Galaxy à distância, escolhendo, por exemplo, a música ou playlist que deseja ouvir em determinados momentos. Além disso, no quesito design, o acessório tem um formato ergonômico para se adaptar facilmente à mão do usuário, trazendo mais controle para o traço, e um botão integrado para acessar atalhos e aumentar ainda mais a produtividade.

A S Pen já vem inclusa na caixa do Galaxy Tab S9 – seguindo a mesma cor do tablet –, e este acessório também pode ser utilizado com o notebook Galaxy Book4 360, que faz parte da mais recente linha de notebooks premium da Samsung no Brasil. Essa integração é possível graças ao Ecossistema Galaxy, que facilita a conexão entre dispositivos Galaxy para que a rotina das pessoas seja cada vez mais simples. Smartphones da linha Galaxy também são habilitados para o uso integrado com o acessório – disponível nos modelos Galaxy S22 Ultra, S23 Ultra, e S24 Ultra.

Para os designers, diretores de arte e adeptos à pintura e ilustração, a experiência de uso da S Pen com o Ecossistema Galaxy vai além. Experimente utilizar o seu smartphone Galaxy como uma paleta de cores, enquanto o seu Galaxy Book4 ou Galaxy Tab S9 funcionam como uma tela, e a S Pen como um pincel.

Com experiência parecida com a de escrita no papel, a S Pen é uma aliada também para escritores, redatores e editores de texto. Desenvolvido também para otimizar a rotina de escrita, o acessório pode ser usado para adicionar comentários durante a revisão de arquivos em texto, permitindo ainda circular, riscar e grifar em outras cores as palavras e frases que devem ser alteradas ou destacadas para uso posterior, assim como fazemos no papel.

Outra facilidade do Ecossistema Galaxy é que você pode iniciar uma anotação com a S Pen no seu smartphone ou tablet Galaxy, retomando-a posteriormente no seu notebook Galaxy Book4 360. Esse recurso é um importante aliado para que você salve as ideias que surgiram em momentos aleatórios ou para anotar informações importantes para um trabalho ou apresentação no futuro.

Para saber mais sobre esses e outros produtos e serviços da Samsung, acesse a loja online.

1 Galaxy Tab S9, Tab S9+, Tab S9 Ultra são classificados com resistência IP68. Produto resistente à água doce (1,5 metro por 30 minutos) e à poeira. Não resistente a água com alta pressão ou à líquidos que não sejam água doce. Não recomendado para uso na praia ou piscina.

A Curva de Aprendizagem, Parte 5: superando diferenças multiculturais e multilinguísticas

A Samsung continua inovando em experiências premium de Inteligência Artificial móvel. Por isso, a Samsung Newsroom continua sua visita a centros de pesquisa da Samsung ao redor do mundo para entender como o Galaxy AI1 está capacitando mais pessoas a maximizarem seu potencial.

O Galaxy AI agora oferece suporte a 16 idiomas, permitindo que mais pessoas expandam suas habilidades linguísticas, mesmo offline, graças à tradução no dispositivo em recursos como Tradução Simultânea2, Intérprete, Notas Inteligentes3 e Assistente de Navegação.

Mas o que está envolvido no desenvolvimento da linguagem de Inteligência Artificial? Na quarta parte desta série, visitamos a China para aprender sobre a importância da parceria com outros líderes em IA. Desta vez, estamos no Brasil para explorar como as equipes trabalham através de culturas e fronteiras para levar a Inteligência Artificial do Galaxy a mais pessoas.

Sendo um país diversificado com mais de 203 milhões de habitantes e que incorpora uma ampla gama de culturas e tradições, o Brasil usa o português brasileiro como língua oficial. Enquanto isso, 22 países vizinhos usam o espanhol latino-americano.

Embora o português brasileiro e o espanhol latino-americano sejam amplamente falados, as variações intrincadas de ambos os idiomas apresentaram vários desafios ao ensinar o Galaxy AI a discernir e distinguir diferenças regionais. É por isso que o Samsung R&D Institute Brasil (SRBR) colaborou com especialistas da Samsung do México — bem como com parceiros terceirizados, como os institutos de ciência e tecnologia SiDi e Sidia — para montar uma equipe multidisciplinar e altamente qualificada que pudesse enfrentar a tarefa.

Obstáculos menores, compreensão aprofundada

A equipe usou milhares de fontes e uma combinação de aprendizado de máquina e linguagem para melhorar o reconhecimento de fala, textos escritos e variações regionais do modelo de Inteligência Artificial. Mas os dialetos locais e os nomes de figuras famosas – incluindo equipes desportivas, celebridades e bandas – variam amplamente entre as regiões.

Além disso, o mesmo significado pode ser expresso em muitas palavras diferentes. Embora os modelos linguísticos necessitem de dados localizados para obter uma compreensão abrangente dos diferentes idiomas necessários para traduzir, tais variações apresentam obstáculos.

Por exemplo, a palavra piscina é “alberca” no México, mas é “pileta” na Argentina, Paraguai e Uruguai. Enquanto isso, na Colômbia, Bolívia e Venezuela, piscina é “piscina”, que também é usada no Brasil, mas com uma pequena diferença na pronúncia. E apesar de os colombianos dizerem “chévere” para se referir a algo legal, os mexicanos dizem “padre”.

Estas diferenças representam enormes desafios para a compreensão e aprendizagem de línguas através da Inteligência Artificial, mas a equipe superou os obstáculos construindo modelos linguísticos maiores, refinando ferramentas de processamento e colaborando através de fronteiras e fusos horários.

“Tivemos que considerar gírias locais e diferentes formas de falar antes de adaptar e testar o modelo em conformidade, o que exigiu uma estreita colaboração entre a equipe de garantia de qualidade (QA) da SRBR e as equipes de desenvolvimento”, afirma Mateus Pedroso, Senior Manager e Head of Software Quality Lab na SRBR. “Como a SRBR está localizada três horas à frente da equipe de QA no México e 12 horas atrás da equipe de gestão na Coreia, tivemos que criar novos canais e processos de comunicação para alinhar resultados e compartilhar o progresso. Esta colaboração multicultural gerou uma festa de ideias e soluções para o Galaxy AI”.

Comunicando o sucesso

A filosofia de colaboração aberta da Samsung ganhou vida durante este projeto regional, pois foi um processo iterativo que alavancou a evolução da tecnologia em escala global. Para superar as barreiras linguísticas e culturais, a equipa do SRBR precisava de recolher, gerir e desenvolver enormes quantidades de dados, refinando e melhorando continuamente as fontes de áudio e texto.

As equipes definiram áreas chave de responsabilidade para garantir que todos pudessem se beneficiar dos conjuntos de habilidades coletivas nos escritórios da empresa na América Latina.

A equipe de desenvolvimento do SRBR serviu como parte interessada intermediária do projeto, recebendo instruções da sede da Samsung e desenvolvendo novas atualizações para melhorar o modelo de Inteligência Artificial enquanto realizava testes para vários casos de uso.

“A fase de testes exigiu ampla comunicação e colaboração com as equipes de QA para otimizar a experiência do usuário, e cada ajuste exigiu mais testes e revisões”, afirma Leandro Flores de Moura, Gerente de Desenvolvimento de Software do SiDi.

“O sucesso dos recursos de linguagem do Galaxy AI se baseia tanto na comunicação e colaboração quanto no conhecimento técnico”, acrescenta Nathan Castro, desenvolvedor de testes de controle de qualidade da SiDi.

Um caminho para a cultura

O que torna o Galaxy AI particularmente interessante para todos os envolvidos é o fato de que este não foi apenas um projeto de linguagem. Para eles, a língua é um guia cultural que fornece informações valiosas sobre a herança e a identidade das pessoas.

“Para a equipe de QA do SiDi, este foi um empreendimento que mudará o mundo ao permitir que culturas se unam e superem a dificuldade de comunicação em diferentes idiomas”, acrescenta Estefanía Castro Suárez, Desenvolvedora de Testes do SiDi. “Saber que fizemos parte disso nos enche de orgulho e motivação”.

“A forma como a equipe do SRBR colaborou exemplifica o que o Galaxy AI pretende alcançar: tornar o mundo um lugar mais próximo através da comunicação, compartilhamento e interação com pessoas, mesmo aquelas que falam línguas diferentes”, conclui Pedroso. “Essa capacidade só crescerá à medida que mais idiomas forem incorporados ao Galaxy AI”.

1 Galaxy AI é a inteligência artificial da Samsung. A Samsung não faz promessas ou garantias quanto à precisão, completude ou confiabilidade das saídas fornecidas pelas funcionalidades de IA. O login na conta Samsung pode ser necessário para usar determinadas funcionalidades de IA da Samsung.

2 Tradução Simultânea requer uma conexão de rede e login na conta Samsung. A Tradução Simultânea está disponível apenas no aplicativo Samsung Phone pré-instalado. Certos idiomas podem exigir o download de pacotes de idiomas. A disponibilidade do serviço pode variar conforme o idioma. A precisão dos resultados não é garantida.

3 O recurso Notas Inteligentes requer uma conexão de rede e login na conta Samsung. Existe um limite de caracteres. A disponibilidade do serviço pode variar conforme o idioma. A precisão dos resultados não é garantida.

Motorola Brasil lidera desenvolvimento de inteligência artificial utilizada globalmente

Tema em alta nos últimos anos, a Inteligência Artificial vem apresentando avanços significativos e vive agora um ‘boom’ de crescimento e adoção em diversas áreas, dado os benefícios que pode prover em múltiplas indústrias e no próprio cotidiano da vida humana. A Motorola tem priorizado o investimento em pesquisa e desenvolvimento de novas aplicações e usabilidades de AI para os consumidores. Em uma década, foram mais de R$2,5 bilhões investidos na área, — com o Brasil tendo papel fundamental nesse progresso, já que o país é um dos quatro hubs da marca de inovação, com 45% dos desenvolvedores sendo brasileiros e participando ativamente do processo de evolução da tecnologia.

Por meio de parcerias com institutos de pesquisa e universidades, a Motorola tem o Brasil como protagonista de suas inovações. O instituto de pesquisas Eldorado figura como um dos principais parceiros da Motorola, além de universidades como a UFAC, Unicamp, UFPE e, mais recentemente, a Universidade Federal do Amazonas (UFAM), onde a Motorola aportou R$ 25 milhões na expansão do prédio do Instituto de Computação da UFAM, com oito novas salas de aula e quatro laboratórios de pesquisa.

Entre as principais áreas de atuação, estão o desenvolvimento de câmeras, desenvolvimento do sistema operacional Android, testes de produtos e Inteligência Artificial. Toda a parte de detecção de malware, reconhecimento de padrões, qualidade de imagem HDR com técnicas de AI, processamento de imagens, segurança do sistema Android, e o hub de inteligência artificial é feita aqui no Brasil. 

Atualmente, a AI é aplicada em todos os modelos1 do portfólio da Motorola, desde os modelos de entrada da família moto e, nos intermediários da família moto g, e principalmente nos modelos motorola edge motorola razr com soluções de AI cada vez mais sofisticadas. Presente no sistema de câmeras, performance e segurança do usuário, a moto ai tem funcionalidades que facilitam e turbinam o dia-a-dia dos consumidores. Entre os principais recursos, estão: 

  • GANHO DE PERFORMANCE E AUMENTO DE SEGURANÇA:
  • RAM Boost (ou RAM Virtual): a função de RAM Boost 3.0 potencializada pela moto ai  permite que usuários elevem o desempenho do aparelho. A funcionalidade entende quanto de memória virtual é necessária e ajusta o RAM Boost de acordo com a quantidade de apps em utilização naquele momento. Além disso, a RAM Boost da Motorola empresta uma parte mínima do armazenamento interno para poder utilizá-la como se fosse uma memória RAM Virtual.Essa implementação é diferenciada com relação ao mercado, porque consome 1/3 da memória física, ou seja 4GB de RAM Boost consomem 1,3GB de armazenamento; 8GB de RAM Boost consomem 2,6GB e assim por diante.
  • Otimização de bateria e desempenho potente para o dia todo: os smartphones da Motorola contam com Inteligência Artificial diretamente no processador para aprimorar o funcionamento do aparelho. Mais potência e rapidez para jogos, edições e outras tarefas que exigem a máxima performance. Já em relação à bateria, ela ajusta a velocidade (Hz) e o brilho da tela de acordo com o conteúdo que se está consumindo e também entende o horário de carregamento para aumentar a potência de carga de acordo com a rotina de cada consumidor.
  • Detector de Phishing: por meio do Moto Secure, a inteligência artificial analisa, investiga e avisa sobre links suspeitos. Mais segurança bloqueando a entrada de vírus e possíveis invasores no telefone.
  • MELHOR EXPERIÊNCIA DE CÂMERA
  • Max Foto PRO: com o poder da moto ai, esse recurso melhora o alcance dinâmico, aumentando a proporção entre o brilho e as partes mais escuras de uma imagem. Os detalhes também ficam mais precisos, o que faz ainda mais diferença ao usar o zoom. E a Inteligência Artificial entrega efeito bokeh baseado em software e redução avançada de ruído nos ambientes com pouca iluminação. Diferente de outros métodos de processamento de imagem, tudo isso é realizado com dados RAW não compactados. O resultado de vários métodos de captura é combinado para produzir o máximo de qualidade nas fotos.
  • Action Shot: as fotos permanecem nítidas e sem borrões, mesmo quando a pessoa, o objeto ou o animal fotografado estiver em movimento. Usando Inteligência Artificial, a velocidade do obturador é ajustada de acordo com as diferentes condições de iluminação, melhorando o nível de detalhe quando a luminosidade estiver baixa e o ruído estiver alto.
  • Longa Exposição: obtenha trilhas de luz ou quedas de água suaves. A longa exposição permite que o usuário capture movimentos de maneira criativa com um simples toque, sem a necessidade de nenhum equipamento profissional.
  • Modo HDR: neste modo, a câmera captura até 3 imagens com luzes e cores diferentes. No mesmo instante, a Inteligência Artificial compõe uma nova foto, com os melhores elementos disponíveis, buscando a imagem mais perfeita possível. Fotos com mais realismo de cor, luz, brilho e captados de forma automática.
  • Night Vision automático: permite tirar fotos 16x mais rápido, mesmo com pouca luz. A captura com baixa luminosidade mais rápida disponível no mercado até agora funciona em todos os sensores e detecta automaticamente a luz ambiente, ajustando as configurações.
  • Detector de Sorrisos: por meio de Inteligência Artificial a câmera identifica quando todos estão sorrindo e tira a foto de forma automática sem a necessidade de apertar algum botão.
  • Controles por gestos: permite a captura da imagem sem o uso das mãos. Para isso, o usuário deve posicionar o smartphone sobre uma superfície plana e iniciar um vídeo em time-lapse, ou capturar uma imagem de longa exposição, sem a necessidade de acessórios ou outros equipamentos.
  • Modo de retoque facial: Após tirar a foto, o usuário pode, por exemplo, ajustar a pele, por meio de Inteligência Artificial, suavizando-a com retoques dignos de Photoshop de forma rápida e automática.
  • Foto Retrato (Bokeh): permite deixar o fundo da imagem desfocado de maneira suave e destacando o que está à frente por meio de Inteligência Artificial. Funcionalidade proporciona feitos de câmeras profissionais no celular de forma rápida e simples.
  • Composição Inteligente: a AI apresenta automaticamente uma segunda opção da foto utilizando a regra dos terços, uma técnica da fotografia profissional que melhora o enquadramento da imagem. Na hora da pressa pode ser difícil enxergar o melhor ângulo, com essa função, você tem uma segunda imagem para escolher a melhor foto.
  • MELHOR EXPERIÊNCIA DE FILMAGEM E VÍDEOS:
  • Modo Estabilização Horizontal: esta função te ajuda a manter o vídeo estabilizado, sem tremer, mesmo que o usuário gire o smartphone em até 360°. A ferramenta nivela automaticamente a gravação em um ponto do horizonte para que o usuário possa fazer parte da ação sem se preocupar com a movimentação intensa da câmera. Além disso, o processamento acontece em tempo real, sem latência, com a prévia no visor mostrando o resultado real.
  • Estabilização Inteligente para filmagens: utiliza AI para determinar a velocidade de movimento durante a filmagem e, dinamicamente, ajusta o nível de estabilização para garantir os melhores resultados.
  • Rastreio de foco automático: garante vídeos nítidos e claros utilizando AI para manter o objeto em foco mesmo quando se movimenta. 
  • Vídeo Retrato (Bokeh): Funciona da mesma forma do foto retrato mas no formato de vídeo deixando o fundo desfocado por meio de Inteligência Artificial. Aplique efeitos de cinema nos vídeos do seu celular. 

Além disso, a Motorola conta com a parceria com o Google para complementar o pacote de  soluções com funcionalidades como: 

  • Google Fotos: esta galeria nativa nos smartphones Motorola, facilita tirar aquela foto perfeita. O ajuste automático integrado à câmera do smartphone dá vida às suas fotos instantaneamente. Após a captura, as cores e a iluminação são aprimoradas, melhorando o equilíbrio de branco, exposição, realces, sombras, contraste e saturação de maneira automática, proporcionando fotos vibrantes e prontas para serem compartilhadas.
  • Google Lens*: aponte a câmera para qualquer objeto, e ele identifica automaticamente produtos, barcodes, QR codes, rótulos e textos, identificação de números de telefone e endereços, proporcionando resultados de buscas mais  relevantes e até páginas da web. Você pode utilizar o Google Lens, antes de tirar a foto, ou até mesmo em fotos já capturadas.

Confira o portfólio completo da Motorola em: www.motorola.com.br. 

Brasil vai ser o primeiro país a testar novas funcionalidades contra roubo de celulares Android

Os usuários de celulares Android no Brasil serão os primeiros do mundo a testar novas funcionalidades contra roubo, em fase de testes (beta), a partir de julho. O anúncio foi um dos destaques do Google for Brasil, realizado nesta terça-feira (11), em São Paulo. Novidades incluem tecnologia baseada em inteligência artificial (IA) que usa sinais para identificar quando um celular é furtado, levando ao bloqueio automático da tela do aparelho e assim evita o acesso indevido a arquivos e aplicativos sensíveis.

Além disso, com o objetivo de combater tentativas de golpes e fraudes por meio de aplicativos, a empresa anunciou que celulares Android no Brasil serão incluídos em um novo programa piloto que inclui uma versão aprimorada do Google Play Protect. A ferramenta de segurança já verifica apps em busca de vulnerabilidades e ameaças. Agora, passará a bloquear a instalação de aplicativos baixados de fontes alternativas e que exijam acesso a dados sensíveis.

IA para detecção de roubo e mais facilidade no bloqueio do celular
Os novos recursos contra roubo de celulares foram anunciados inicialmente no Google I/O, conferência global de desenvolvedores do Google, realizada em maio. As soluções, ainda em fase de testes, poderão ser habilitadas pelos usuários de celulares Android (versão 10 ou superior) a partir de julho. O acesso aos recursos por usuários de outros países será feito de modo gradual ainda neste ano. Nesta fase, os brasileiros terão acesso a três soluções que buscam elevar a proteção do usuário no momento do roubo e imediatamente após o ocorrido. Saiba mais sobre cada um dos novos recursos:

● Bloqueio por detecção de roubo: este novo recurso usa a IA do Google para detectar se alguém rouba o celular da vítima e foge em velocidade, seja a pé, de bicicleta, moto ou veículo. Se um movimento comum associado ao roubo for detectado, a tela do dispositivo é bloqueada rapidamente, o que ajuda a evitar que ladrões que roubam o dispositivo com a tela ainda desbloqueada acessem o conteúdo de um celular, como arquivos e aplicativos.
● Bloqueio remoto: o Encontre meu Dispositivo já permite que você bloqueie ou limpe remotamente um celular perdido ou roubado, mas muitas pessoas não conseguem lembrar a senha da sua Conta Google para acessar o recurso após perder ou ter seu celular roubado. Agora, por meio de uma página dedicada ao novo recurso “Bloqueio remoto” (android.com/lock), o Android vai permitir que o usuário faça o bloqueio da tela do dispositivo inserindo apenas o número do telefone e concluindo um rápido desafio de segurança por meio de qualquer dispositivo. A medida busca dar mais tempo para que o usuário recupere os detalhes da sua conta e acesse opções mais robustas no Encontre Meu Dispositivo – como a localização do aparelho ou a exclusão de todo seu conteúdo.
● Bloqueio de dispositivo offline: é comum que celulares roubados sejam desconectados da internet para não serem localizados ou bloqueados. Este novo recurso vai bloquear automaticamente a tela do celular Android caso fique longos
períodos sem acesso à internet.

O acesso aos recursos em fase beta abre ao público brasileiro em julho. O Google lançou um site dedicado (goo.gle/android-seguro) que inclui um formulário para quem quiser ser notificado por e-mail quando os novos recursos de segurança estiverem disponíveis para o seu dispositivo.

Elevando a proteção contra fraudes e golpes
O Google anunciou também a expansão de um programa-piloto de proteção contra tentativas de fraudes ou golpes em celulares Android, que ainda neste mês chegará ao Brasil. Usuários brasileiros terão uma versão “aprimorada” do Google Play Protect, ferramenta que varre o aparelho em busca de ameaças de segurança e vulnerabilidades. A nova versão vai além e impede que sejam instalados no dispositivo aplicativos que:
● Tenham sido baixados por meio de navegadores, apps de mensagens ou gerenciadores de arquivo;
● Incluam permissões de acesso consideradas sensíveis, como de leitura de mensagens SMS, notificações e de acessibilidade (RECEIVE_SMS, READ_SMS, BIND_Notifications e Accessibility), usualmente exploradas indevidamente por fraudadores.
Quando um usuário no Brasil tentar instalar um aplicativo nessas circunstâncias, o Play Protect bloqueará automaticamente a instalação e enviará uma notificação ao usuário explicando a razão.

Aos desenvolvedores com apps que podem ser afetados pelo piloto para novas instalações, o Google recomenda que revisem as permissões solicitadas e sigam as práticas recomendadas. Além disso, o site do Google Play Protect oferece orientações sobre os alertas gerados pela ferramenta e inclui ainda um canal para contestação para desenvolvedores que tenham seus apps impactados.

O piloto com a implementação da versão aprimorada do Google Play Protect no Brasil acontece a partir do fim do mês de junho e será ampliado de modo gradual ao longo dos próximos meses em dispositivos Android com Google Play Services.
“Garantir uma experiência segura e confiável no Android é uma das principais prioridades do Google. Acreditamos que este piloto no Brasil ajudará nossos usuários a evitar tentativas de fraude e golpes que prejudicam sua experiência online todos os dias”, diz Eugene Liderman, diretor de Estratégia de Segurança de Android. “À medida que continuamos a tornar sua experiência em dispositivos Android mais segura, vamos acompanhar de perto os resultados do piloto para avaliar seu impacto e fazer ajustes conforme necessário. Também continuaremos a trabalhar com outros parceiros do ecossistema, pois a colaboração profunda da indústria e a educação conjunta do usuário são essenciais para combater essa ameaça em evolução.”

Nosso compromisso compartilhado para proteger usuários do Android
Construir uma experiência online verdadeiramente segura é um esforço colaborativo, e estamos comprometidos em trabalhar com governos, parceiros da indústria e outras partes interessadas para ajudar você a ficar mais seguro.

No Brasil, nos envolvemos ativamente em conversas com o governo brasileiro e autoridades locais com o objetivo de aumentar a segurança para usuários brasileiros do Android. Estamos colaborando de perto para garantir que nossos recursos de segurança mais recentes estejam alinhados com as necessidades e preocupações da população brasileira.
“O Ministério da Justiça celebra a chegada dessas ferramentas inovadoras ao Brasil, que representam um passo importante na proteção dos cidadãos contra furtos e na garantia da segurança de seus dados. Esse anúncio demonstra a importância da colaboração entre o setor público e privado para fortalecer iniciativas, como o Celular Seguro, para um país melhor”, afirma o secretário-executivo do Ministério da Justiça, Manoel Carlos de Almeida
Neto.

Para garantir a maior proteção dos nossos usuários e seus dispositivos contra roubo, também estamos trabalhando com fabricantes como Motorola e Samsung, além de parceiros locais no Brasil, para testar e incorporar os novos recursos Android de modo a complementar suas proteções já existentes de dispositivos.

Como parte de nossa colaboração na indústria para proteger usuários do Android de tentativas de fraudes e golpes no Brasil, temos mantido um diálogo constante com as principais partes interessadas da indústria, como bancos. No final deste mês, o Google participará da conferência da Federação Brasileira de Bancos, Febraban Tech, para compartilhar mais informações sobre o piloto da versão aprimorada do Google Play Protect e ajudar a educar os usuários sobre como eles podem se manter mais seguros.

“À medida que fraudadores e maus atores refinam suas táticas, é crucial estabelecer parcerias em todo o ecossistema para ajudar a proteger os usuários contra fraudes e outras ameaças móveis”, diz Walter Tadeu Pinto de Faria, Diretor Adjunto de Serviços da Federação Brasileira de Bancos (FEBRABAN). “Estamos felizes em colaborar com o Google e esperamos que esses recursos piloto forneçam maior proteção contra fraudes, golpes e roubos.”

Aprenda, crie e explore: Lenovo lança Tab M11 no Brasil

A Lenovo, líder global no fornecimento de tecnologia, anuncia para o Brasil o novo Tab M11, feito para tornar a aprendizagem mais inteligente e divertida. O novo membro da linha de tablets da Lenovo chega ao país equipado com processador octa-core MediaTek G88, voltado para multitarefas mais fluidas; memória de 4 GB e armazenamento de 128GB, com capacidade de expansão por MicroSD; quatro alto-falantes Dolby Atmos, para a melhor experiência multimidia; além de bateria de 7.040mAh para durar o todo o dia todo¹,².

Seu chassi na cor Cinza conta com tela de quase 11 polegadas LCD, com 90 Hz taxa de atualização de 90hz, onde o “Modo de Leitura Imersiva” da Lenovo se destaca uma vez que permite que o usuário mergulhe na história ou nos estudos com sons ambiente – o dispositivo possui certificado TÜV para cuidados oculares, que garante horas de leitura enquanto protege os olhos. Outra funcionalidade para estudantes está na câmera de 8MP (frontal e traseira) do dispositivo, que pode atuar como um como um scanner inteligente para converter instantaneamente imagens em documentos PDF; assim como o Google Lens possibilita que o usuário pesquise ou identifique coisa ou lugares por ao apontar a câmera, tornando as pesquisas do dia a dia ainda mais rápidas e interativas.

O hardware sofisticado e durável do Lenovo Tab M11 também conta com portas USB-C 2.0³, entrada MicroSD e para fone de ouvido, microfone, tudo em um corpo de aproximadamente 465g. Juntamente ao Tab M11, vem a folio case e a Lenovo Tab Pen, que com variados níveis de sensibilidade à pressão, suporte de inclinação e uma bateria recarregável de longa duração, facilita fazer anotações, rabiscar e criar com o tablet em aplicativos como Lenovo Freestyle, Kids Space, Nebo, MyScript® Calculator 2 e WPS. Já sua conectividade garante que os usuários estejam sempre prontos para explorar novas possibilidades de aprendizado: com Wi-Fi 2.4/5G4 para o acesso de conteúdo on-line e download rápido de aplicativos, tal qual o Bluetooth 5.1, que conecta rapidamente com dispositivos externos, como fones de ouvido sem fio, teclados e alto-falantes.

Tablets Lenovo: feitos para todos os tipos de usuários  

Além do Tab M11, a Lenovo possui um amplo portfólio de tablets: o Lenovo Tab M9, M10, K11 (configurações semelhantes ao Tab M11) e P12, além de serem uma opção para consumidores finais, também atendem às necessidades dos negócios que buscam soluções versáteis e que ofereçam produtividade ao dia a dia de trabalho. Seja para entretenimento, estudos ou uso corporativo, os tablets da Lenovo oferecem desempenho confiável e uma experiência intuitiva, se tornando uma escolha inteligente para todos.

Disponibilidade e preço do produto: 

O novo Lenovo Tab M11 está disponível por R$1.799,99 no site da Lenovo e nos principais varejistas. Clique aqui para ter mais fotos do produto.