Reserva antecipada Music Frame da Samsung: saiba mais sobre esse produto inédito e garanta descontos adicionais no lançamento

Após o lançamento oficial da linha 2024 das Samsung AI TVs, a marca inicia a reserva antecipada1 de um dos itens mais aguardados do portfólio neste ano, a Music Frame, produto inédito no Brasil que combina áudio premium com design artístico. Funciona assim: entre os dias 27 de maio e 9 de junho de 2024, é possível adquirir um voucher no valor de R$ 99 para receber um desconto de R$ 500 para comprar a Music Frame, que será lançada pela Samsung no dia 10 de junho. O voucher terá validade de um ano a partir da data da compra e poderá ser utilizado para compras de outros produtos Samsung. Para mais informações, acesse https://shop.samsung.com/br/pre-registro-music-frame/p.

A Music Frame acompanha um Art Panel – a estrutura branca ao redor da foto – e duas fotos inclusas. Há ainda a opção de moldura customizável, que é vendida separadamente. Versátil, a Music Frame permite aos usuários exibir fotos pessoais ou obras de arte enquanto desfrutam de áudio sem fio com recursos inteligentes. Podendo ser utilizado como um dispositivo independente ou pareado com uma TV e uma Soundbar, a Music Frame promete uma experiência de áudio aprimorada que complementa qualquer ambiente.

Para mais informações sobre o produto, consulte a página na loja online.

1TL: Imagens meramente ilustrativas. Adquirindo um voucher no valor de R$ 99 no período de 27/05/24 até 09/06/24 o consumidor terá direito a um desconto adicional de R$ 500 para adquirir uma Music Frame, que será lançada pela Samsung em 10/06/24. O voucher de R$ 500 terá validade de um ano a partir da data da compra e poderá ser utilizado sem desconto adicional para compras de outros produtos Samsung. Período de compras e canais participantes descritos no regulamento. Consulte regulamento: https://www.samsung.com.br/regulamentos/Preregistro-MusicFrame2024.pdf. A Music Frame acompanha 1 (um) Art Panel (estrutura branca ao redor da foto) e 2 (duas) fotos. Há a opção de moldura customizável vendida separadamente, que pode não estar disponível no momento da compra do produto. Para mais informações sobre o produto, consulte: https://www.samsung.com/br/audio-devices/music-frame/ls60d-black-hw-ls60d-zd/

ECOS 2024 terá residência em 3D e impressora de casas em funcionamento

A Expo Construção Offsite (ECOS) chega à sua quinta edição consolidada como a mais importante feira da América Latina quando o assunto é construção modular. Mais encorpada, ocupando quase toda a extensão do Sambódromo do Anhembi, em São Paulo, o evento, que acontecerá entre os dias 04 e 07 de junho, inova mais uma vez e leva para suas instalações uma das mais importantes novidades tecnológicas do setor – a impressora 3D de casas. Considerada uma das aplicações mais promissoras das tecnologias aditivas, a impressão 3D economiza tempo e dinheiro, tornando os investimentos em projetos habitacionais, por exemplo, mais atraentes. A tecnologia, que será exposta pela empresa 3DPrintek, é importada da Rússia e produz paredes em camadas, seguidas por reforço e preenchimento com concreto. O equipamento também permite uma ampla gama de tarefas, desde a impressão no local de construção até a impressão de partes componentes de edificações (pré-fabricados) ou pequenas formas arquitetônicas em condições de fábricas ou áreas cobertas

“A impressora produz um concreto leve, até 10 vezes mais que o tradicional, possibilitando a produção de blocos de variados tamanhos, densidades e formatos, explica Marcos Bueno, CEO da Expo Construção Offsite. “O concreto leve produzido pela impressora possui excelente isolamento térmico e acústico e apresenta um baixo custo de manutenção. A tecnologia, aplicada neste sistema, utiliza uma fórmula de mistura homogênea de concreto leve à base de aditivo, cimento e areia, que aumenta sua durabilidade e impermeabilidade. O processo permite reduzir em até 70% a demanda de material a ser utilizado na construção, alcançando o mínimo de desperdício na cadeia de suprimentos, além de ser um material mais eficiente e sustentável”.

Durante a Ecos 2024, o público acompanhará ao vivo a impressão de módulos (paredes), balcões, vasos, assentos e diversas outras estruturas em concreto

A Expo Construção Offsite também terá uma casa toda construída por meio da impressora 3D para visitação. Com 57m², a casa desenvolvida pela Cosmos 3D conta com uma sala, cozinha, banheiro e pode ter dois quartos, ou um quarto e um escritório. Para o modelo que será exposto, foram necessários oito dias para a conclusão da casa, sendo quatro dias para o processo de impressão, dois para a montagem e outros dois para acabamentos e decorações. Por ser controlada por um software moderno e um robô, a impressora utilizada pela Cosmos 3D chama a atenção pelo grau de precisão, reduzindo o desperdício a quase zero. A tecnologia permite a construção de casas de aproximadamente 50m² em 20 horas. O potencial de produção, quando aplicado em larga escala, é de 10 casas por mês, totalizando 120 casas por ano, com uma mão de obra de dois a três funcionários trabalhando em um turno padrão (8h/dia)

A apresentação das impressoras 3D na ECOS 2024 sinaliza para o setor uma solução para a escassez de mão de obra na construção civil, além de confirmar a superioridade da tecnologia, que permite produzir centenas de casas e habitações populares em um prazo muito exíguo e com um custo menor, oferecendo também redução de tempo, liberdade geométrica e boa qualidade. Outro projeto que estará em exposição na ECOS 2024 é a Cabana Container, apresentada pela empresa Compass e assinada pelo arquiteto Breno Lima. Ideal para o setor de hotelaria, o projeto utiliza um container marítimo, possui isolamento térmico e acústico, fachadas com janelas amplas e espaços abertos que favorecem a luz natural.

Como nas edições anteriores, a Escola Expo Offsite irá oferecer treinamentos inovadores e práticos para a construção de projetos modulares. Com a crescente demanda por soluções habitacionais rápidas, sustentáveis e acessíveis, a escola tem como objetivo capacitar profissionais para atender a essa necessidade em constante crescimento. Os cursos são ministrados por profissionais experientes do setor e engenheiros renomados. Durante os quatro dias de evento, os participantes aprenderão sobre produção e montagem de painéis de light steel e wood framing, e acompanharão a montagem de espaços de coworking, gamer e maker. O treinamento da Escola Expo Offsite é inédito, acontece apenas durante a ECOS, e visa capacitar a próxima geração de profissionais do setor modular. Podem participar do treinamento profissionais da indústria modular, estudantes do setor de construção civil, empreendedores e entusiastas da construção offsite

A edição deste ano do evento também marca o retorno do FOCOS – Fórum da Construção Offsite, um expressivo seminário com especialistas representativos do setor da construção Offsite do Brasil. O encontro contará com 20 palestrantes que, juntos, entregarão para o público conteúdos e novidades sobre o cenário da construção modular no país. Os participantes terão a oportunidade de conhecer as últimas tendências do setor e de como a tecnologia está sendo aplicada para atender às demandas crescentes por habitação acessível e sustentável. Entre os principais temas deste ano estão: a crise habitacional, eficiência energética na construção civil, o uso dos painéis Lightwall, a implantação da filosofia Lean Enterprise, a impressão 3D na construção modular, entre outros assuntos.

Confira a programação:

04 de junho

10h – 10h10 /Abertura FOCOS

10h10 -10h50 /Gilberto de Freitas (ITIE – Instituto de Tecnologia e Edificações)

Tema: Fabricantes de Edificações e Componentes – Os Novos              Protagonistas do Mercado

10h50 – 11h30 / Jose Carlos Martins (CBIC)

Tema: O Futuro da Construção Passa pelo Offsite – Como Materializar a Idea.

11h30 – 12h10 / Edison Tateich (CMC)

Tema: Soluções Modulares: de banheiro a salas de aula, tudo pronto na fábrica.

12h10 – 12h30 / Coffee

12h30 – 13h / Abertura ECOS

13h – 14h / Tarcis Antunes (Tecnoframe/SteelCorp)

Tema: Atuação da indústria em parceria com as construtoras na transformação da construção civil

Daniel Gispert (Steel Coorp)

Tema: Atuação da industria em parceria com as construtoras na transformação da construção civil

14h – 14h40 / Felipe Basso (TECVERDE)

Tema: Construção Industrializada em Madeira

14h40 – 15h00 / Encerramento

05 de junho

10h – 10h10 / Abertura

10h10 – 10h50 / Nelson Zanocelo (Saint Gobain)

Tema: Bild Neori: Um case de sucesso com Fachada Leve Painelizada

10h50 – 11h30 / Arlindo Mendonça (Basf)

Tema: Eficiência Energética na Construção Civil: Soluções para Isolamento de Alto Desempenho

11h30 – 12h10 / Silvia Scalzo (CBCA)

Tema: O diálogo entre as estruturas de aço e a construção modular

12h10 – 12h30 / Coffee

12h30 – 13h 10 / Ludy Milla Alves Pego (SENAI)

Tema: BIM e sua Interface com a Industrialização da Construção

13h10 – 13h50 / Fábio Luis De Gerone (Sto Andre)

Tema: Como construímos o prédio de uma fábrica completa de 2.500m² em apenas 120 dias usando sistemas construtivos industrializados.

13h50 – 14h20 / Eduardo Buzzi (Terracotta)

Tema: A industrialização da construção como uma alternativa de combate ao déficit habitacional

14h20 – 14h50 /    Marcus Fernando Araújo (Lightwall)

Tema: ModuLight: uso dos painéis Lightwall para acelerar a construção modular

14h50 – 15h00 / Encerramento

06 de junho

10h – 10h10 / Abertura

10h10 – 10h50 / Renan Hessel (Espaço Smart)

Tema: Digitalizando a Construção Civil e as Operações de construção em Light Steel Frame com uma plataforma de negócios omnichannel.

10h50 – 11h30 / Otto Griese  (M-TEC)

Tema: Impressão 3D de forma Modular

11h30 – 12h10 / Guilherme Trivellin (Planradar)

Tema: O Custo do Retrabalho em Obras

12h10 – 12h30 / Coffee

12h30 – 13h10 / Paulo Oliveira (ARATAU)

Tema: Construção Modular: Um caminho para Industrialização e para a Construção 4.0

13h10 – 13h50 / Alexandre Soares (Visia)

Tema: A Implantação da filosofia Lean Enterprise na Construção Modular

13h50 – 14h20 / Breno Lima (Embaixador ECOS )

Tema: Construção Modular e suas possibilidades

14h20 – 14h50 / Marco Antonio Barros Gonçalves

Tema: Construção Micro Habitação Modular usando Containers Marítimos

14h50 – 15h / Encerramento

A Expo Construção Offsite 2024 promete impactar mais de 12 mil pessoas que passarão pelo Sambódromo do Anhembi. Serão 4 dias de muito aprendizado, networking e apresentação das novidades, produtos e serviços de mais de 120 marcas que estarão na feira. A expectativa é que o volume de negócios gerado durante e após o evento seja em torno de R$ 600 milhões.

“Eu vejo a construção modular como um setor em evolução que, sem dúvida, representa o futuro da construção civil”, afirma Bueno. “Até 2019, a construção modular era desconhecida do consumidor brasileiro. Hoje, o crescente número de indivíduos e empresas que estão tomando conhecimento dessa forma de construção e a vendo como a opção mais rentável para construir ou expandir seus negócios é evidente. Estamos buscando formas mais sustentáveis e com melhor custo-benefício para tornar mais acessível a possibilidade de se ter uma casa própria, expandir os negócios e proporcionar mais moradias para a crescente população”, finaliza o gestor

Serviços Expo Construção Offsite 2024:

Realização: De 04 a 07 de junho – Das 13h às 20h          

Av. Olavo Fontoura, 1209 – Santana, São Paulo – SP

Entrada: Gratuito

Credenciamento: Gratuito para a exposição –www.expocontrucaooffsite.com.br

Imprensa: Iara Filardi – 55 11 9 9318 3895

atendimento@iarafilardi.com

Plataforma Transforma chega ao mercado dedicada ao setor audiovisual com cursos, mentorias e rede de networking

Iniciativa será lançada no Rio2C e interessados já podem se inscrever através do site www.atransforma.com/.

Especialização, networking e inovação são os três pilares da Transforma, nova plataforma de capacitação voltada para o mercado audiovisual que será lançada em junho, no Rio2C, que acontece de 4 a 9 de junho no Rio de Janeiro. Desenvolvida para estimular e conectar o setor da indústria com oportunidades de crescimento e transformação, a iniciativa faz parte do ecossistema Transformação Audiovisual – idealizado por Dani Tolomei e Leo Edde -, que serão responsáveis por treinar os profissionais selecionados para os pitchings audiovisual e creator do evento.

“Criamos a Transforma com o objetivo de contribuir para o crescimento, acessibilidade e transformação do setor audiovisual. Tendo isso em mente, desenvolvemos uma plataforma que conecta grandes profissionais do mercado e pessoas que querem se aprimorar, através de conteúdo de alta qualidade e networking. A Transforma é uma grande catalisadora para o setor, que pretende derrubar as barreiras do mercado tradicional e criar oportunidades para que ideias visionárias e projetos transformadores sejam realizados e reconhecidos”, explica Dani Tolomei, CEO da Transforma.

A plataforma irá oferecer mentorias, masterclasses e cursos focados em habilidades práticas necessárias no mercado, como a preparação para pitchings, compreensão de políticas públicas e modelo de negócios da indústria. Além disso, a iniciativa vai criar uma rede de networking entre profissionais estabelecidos e novos talentos para facilitar parcerias e colaborações que podem abrir novas portas do mercado. Os membros também terão um espaço dedicado à apresentação de projetos, e os participantes receberão retorno dos profissionais aumentando, assim, a chance de reconhecimento e visibilidade.

Outros destaques da Transforma são a gamificação, que vai incentivar a participação contínua dos assinantes deixando a experiência mais envolvente e recompensadora, e o suporte e orientação. Através de grupos de discussão e sessões de mentorias, os interessados poderão discutir desafios e obter conselhos personalizados.

Para acessar a plataforma, os interessados podem escolher entre três planos. O Essencial (R$ 297 à vista ou 12x de R$ 29,73) dá acesso ao feed, artigos e o acúmulo de pontos para participação nas masterclasses e mentorias coletivas. O plano Premium (R$ 597,90 à vista ou 12x de R$ 59,67) permite que os assinantes acessem o feed, artigos e usem os pontos para mentorias coletivas, masterclasses e marcação de mentorias individuais; já o Vip (R$ 997,90 à vista ou 12x de R$ 99,59) dá acesso ao feed, artigos e uso da gameficação para mentorias coletivas, masterclasses, marcação de mentorias individuais e feed exclusivo com executivos.

A plataforma Transforma faz parte da Transformação Audiovisual (TAV), ecossistema de inovação voltado para profissionais, negócios e projetos audiovisuais criado em 2020. O TAV tem como objetivo promover uma mudança na maneira como são criados, desenvolvidos e produzidos conteúdo audiovisual no Brasil. Através de consultorias, aceleradora de projetos, plataforma (Transforma) e tecnologia, a TAV atua em diferentes áreas da indústria, com empresas e profissionais para obter o resultado desejado.

Sobre a Transforma

A Transforma é uma plataforma de capacitação voltada para o mercado audiovisual que oferece mentorias, masterclasses, cursos e uma rede de networking entre profissionais estabelecidos e novos talentos. A iniciativa ainda conta com um sistema de gamificação que vai incentivar a participação contínua dos assinantes, deixando a experiência mais envolvente e recompensadora. Os interessados podem escolher entre três planos de assinatura disponíveis e podem se inscrever através do site www.atransforma.com/

Aperam abre inscrições para a 2ª temporada do seu Programa de Estágio 2024; prazo termina no dia 16 de junho

A Aperam South America abre hoje (28) as inscrições para a 2ª temporada do seu Programa de Estágio de 2024. Até o dia 16 de junho, estudantes matriculados em cursos técnicos e de nível superior podem se candidatar no site da empresa: https://brasil.aperam.com/pessoas/voce-na-aperam/programa-de-estagio/. O processo de seleção segue as diretrizes do Programa de Inclusão com Diversidade da Aperam, que promove a valorização das diferenças.

Eleita nos últimos quatro anos como um Lugar Incrível para Trabalhar, pela Fundação Instituto Administração (FIA) e portal UOL, a Aperam South America é produtora integrada de aços planos inoxidáveis, elétricos e carbono e líder no mercado brasileiro. Sua planta industrial, localizada em Timóteo-MG, possui capacidade produtiva total de 900 mil toneladas de aço líquido por ano. Para a produção do aço, a empresa utiliza carvão vegetal originado de florestas renováveis de eucalipto, produzidos por sua subsidiária no Vale do Jequitinhonha, a Aperam BioEnergia. A Aperam South America conta com uma sede administrativa em Belo Horizonte e um escritório comercial em São Paulo.

Na usina de Timóteo, podem se candidatar estudantes de nível técnico dos cursos de Administração, Informática, Mecânica, Eletrônica e Elétrica. Já as vagas para alunos matriculados em cursos superiores incluem as áreas de Administração, Ciência da Computação, Ciências Contábeis e os seguintes cursos de Engenharia: Automação, de Materiais, Elétrica, Mecânica, de Software, de Produção e Metalúrgica; além dos cursos de Sistemas de Informação e Ciência da Computação.

Para Belo Horizonte, as vagas são para os estudantes que fazem faculdade em Administração, Economia, Ciências Contábeis, Jornalismo e Publicidade. E, em São Paulo, as inscrições são para os cursos de Administração, Comércio Exterior, Relações Internacionais, Engenharia de Materiais, Engenharia de Produção e Engenharia Mecânica. 

Na Aperam BioEnergia, localizada no Vale do Jequitinhonha, as vagas são para estudantes de cursos superiores de Administração, Ciências Contábeis, Gestão de Recursos Humanos, Processos Gerenciais, Engenharia Mecânica, de Produção, Automotiva, Florestal, Agronômica e Elétrica.   

O estágio está previsto para iniciar em agosto e a carga horária é de 6 horas diárias. A Aperam oferecerá para os estagiários uma bolsa mensal, além de alimentação, vale transporte – ou auxílio moradia, no caso da Aperam BioEnergia-, uniforme, equipamento de proteção individual, seguro de vida e assistência ambulatorial emergencial. 

Todos os detalhes sobre o Programa de Estágio Aperam 2024 e os pré-requisitos para inscrição estão disponíveis no site da Aperam. 

Programa de Estágio Aperam 2024

Período de inscrições: 28 de maio a 16 de junho

Cidades: Timóteo, Belo Horizonte, Capelinha, Itamarandiba e São Paulo

Inscrições e mais informações:https://brasil.aperam.com/pessoas/voce-na-aperam/programa-de-estagio/

Abragames realiza curadoria de mais de 40 horas de conteúdo ao vivo com dezenas de convidados internacionais na gamescom latam 2024

A Abragames (Associação Brasileira das Desenvolvedoras de Jogos Digitais) anuncia sua participação na área B2B da gamescom latam 2024 com uma extensa programação de painéis voltados a profissionais da indústria. De 26 a 30 de junho, no São Paulo Expo ( Rod. dos Imigrantes, km 1,5 – Vila Água Funda), em São Paulo/SP, a Associação será  responsável pela curadoria de mais de 40 horas de conteúdo ao vivo, com a participação de dezenas de convidados, entre estrangeiros trazidos pelo Brazil Games – projeto Setorial de Exportação da Abragames em parceria com a ApexBrasil (Agência Brasileira de Promoção de Exportação e Investimentos) – e grandes nomes da indústria e mercado nacionais. 

No primeiro dia do evento, em 26 de junho, que será exclusivo para o mercado B2B, a Abragames promoverá o “Alinhamento Estratégico da Indústria de Games”, momento que vai reunir representantes de governos federal, estaduais e municipais para discutir políticas públicas para o setor de games, em um encontro privado. Durante o encontro, a consultoria internacional Nordicity, a convite da Abragames, apresentará uma visão internacional dos possíveis impactos do Marco Legal dos Games na indústria. Além disso, no primeiro dia de evento também acontecerá o ‘20 Minutes With’, em que as publishers subirão ao palco B2B para explicar como fazer negócios com as empresas. A programação das apresentações será divulgada em breve.

“A agenda B2B da gamescom latam 2024 é um marco significativo para a indústria de jogos do Brasil e da América Latina. Ao trazer mais de 40 horas de conteúdo ao vivo e promover a interação entre profissionais de diversos países, a Abragames estimula a troca de conhecimentos, fortalecimento de parcerias e expansão do mercado”, explica Eliana Russi, diretora da Abragames e do projeto Brazil Games. “Esta iniciativa não só destaca o talento e a criatividade dos desenvolvedores brasileiros, como posiciona o Brasil como um hub importante no cenário global de games”.

Entre palestras, painéis e mesas-redondas sobre diversos temas com publishers, investidores e aceleradoras internacionais, o evento oferecerá conteúdos inovadores, como o impacto da Inteligência Artificial no desenvolvimento de jogos. Quais são os desafios e oportunidades para o setor? Como as novas tecnologias de IA generativa contribuem para os profissionais de arte, roteiro, áudio e produção? Qual é a visão da indústria sobre direitos autorais? A gamescom latam também terá painéis sobre acessibilidade; a ideia é aquecer as discussões sobre como a indústria pode ser mais inclusiva por meio dos jogos e apresentar ferramentas de acessibilidade que expandem as experiências das pessoas com deficiência.

Entre as sessões de conteúdo da gamescom latam, haverá painéis especiais discutindo sobre o meio-ambiente e a indústria de jogos, destacando a conscientização sobre resiliência climática e a redução do impacto da indústria de jogos no meio ambiente. Para discutir o tema o evento contará com a participação de Chance Glasco, da Good Dog Studios, Shayne Hayes, do Arsht-Rock Resilience Center, Lisa Pak, do projeto Playing for the Planet, uma iniciativa da ONU, e representantes do Greenpeace.

Em outra palestra imperdível, David Alpert, CEO e cofundador da Skybound Entertainment, compartilhará sua visão sobre a ascensão da cultura dos videogames. O criador e proprietário da franquia The Walking Dead irá dividir com os presentes parte de sua vasta experiência com conteúdos em múltiplas plataformas, incluindo quadrinhos, TV, filmes, videogames, e muito mais. A Skybound Entertainment, conhecida por suas franquias globais como The Walking Dead e Invincible, lidera a criação de universos que se tornam fenômenos da cultura pop. Entre outras abordagens, Alpert falará sobre como os videogames evoluíram de simples entretenimento para uma poderosa força cultural, transformando-se em filmes, séries de TV e outras mídias. Ele vai falar também sobre o impacto significativo dos jogos na cultura popular e explorar o futuro promissor dessa interseção entre games e outras formas de mídia.

Já Jason Della Rocca, especialista e empresário da indústria de games, que tem no currículo o desenvolvimento de grandes parcerias e a organização do Pitch da GDC Play, será o responsável por comandar a primeira edição do Pitch@gamescom latam, uma competição de pitches de games que tem como objetivo apresentar jogos de estúdios latino-americanos aos investidores e publishers internacionais. Nessas iniciativas, cinco desenvolvedores da região foram selecionados para subir ao palco e defender seus projetos perante representantes de grandes empresas. São eles: Hyper Dive Studio, Brasil, game: Dark Crown; Coffenauts, Brasil, game: Ghostless; Dreams Uncorporated, Colômbia, game: Prisma; Solo Game Studio, Brasil, game: Project Terror; Triunfo Game Studio, Brasil, game: Sina.

A extensa lista de temas e convidados será dividida na programação de cinco palcos espalhados pelo evento. Vale destacar, entre outros assuntos, a aplicação de VR/XR e outras realidades imersivas nos jogos digitais, diversidade, o trabalho das publicadoras e aceleradoras de jogos, XD (external development), trilhas sonoras, possibilidades de carreiras, políticas públicas e muito mais. A própria Abragames comandará painéis, tratando de assuntos específicos sobre a indústria nacional. Os conteúdos serão liderados por Rodrigo Terra, presidente da Associação e CTE da ARVORE; Carolina Caravana, vice-presidente da Associação e produtora da AIYRA, e Eliana Russi.

“A gamescom latam reflete a consolidação da indústria brasileira de games, pois é fruto de um trabalho que vem sendo realizado há mais de uma década por grandes players do setor”, conta Rodrigo Terra. “Acreditamos que esse evento irá representar uma grande mudança sobre o reconhecimento da nossa indústria e será uma excelente oportunidade de visibilidade para o desenvolvedor nacional”.

“Ter o maior evento de games do mundo no Brasil traz para a indústria nacional um protagonismo nunca antes visto. O Brasil já era um dos mais importantes hubs de desenvolvimento de jogos digitais, e a gamescom latam vem para ser a nossa vitrine para o mercado internacional”, comemora Eliana. “Alem disso, não podemos esquecer da recente aprovação do Marco Legal dos Games, que somada à chegada da gamescom latam, coloca o Brasil como um hot spot do setor. Há muito interesse por parte dos grandes players em se aproximar do país e da nossa indústria nacional”.

A gamescom latam é a versão latino-americana do maior evento global de games e será realizada em conjunto pela Koelnmesse, organizadora da feira em Colônia/ALE e Singapura/SIN; pela game (Germain Games Industry Association), a associação alemã da indústria de games; pelo BIG Festival, o maior festival de games da América Latina, e pela Omelete Company, empresa líder no segmento de cultura pop no Brasil.

A programação completa das palestras com curadoria da Abragames na gamescom latam 2024 estará disponível no site da gamescom latam, onde também estão todas informações para o público e a imprensa – AQUI.

Opera faz parceria com Google Cloud para fortalecer a Aria, sua IA nativa, com Modelos Gemini

A Opera anunciou nesta terça-feira (28) uma colaboração com o Google Cloud para integrar os modelos Gemini à IA nativa dos seus navegadores, a Aria – ferramenta alimentada pelo motor de inteligência artificial multi-LLM Composer da Opera, que permite à empresa norueguesa organizar e distribuir as melhores experiências para seus usuários com base em suas necessidades.

A IA do navegador Opera é única, pois não utiliza apenas um provedor ou LLM. O motor de IA Composer da empresa processa a intenção do usuário e pode decidir qual modelo usar para determinada tarefa.

O modelo Gemini do Google é um LLM moderno, poderoso e fácil de usar, além de ser considerado o modelo mais potente da Big Tech até o momento. Graças a essa integração, a Opera agora poderá fornecer aos seus usuários as informações mais atualizadas, com alto desempenho.

“Nossas empresas têm cooperado por mais de 20 anos. Estamos entusiasmados em anunciar o aprofundamento dessa colaboração no campo da IA generativa para impulsionar ainda mais nossa gama de serviços de IA para navegadores,” disse Per Wetterdal, EVP de Parcerias na Opera.

“Estamos felizes em elevar nossa longa cooperação com a Opera, impulsionando sua inovação em IA dentro do espaço de navegadores,” disse Eva Fors, Diretora Geral da Região Nórdica do Google Cloud.

A Opera tem explorado o potencial da IA para navegadores há mais de um ano. Atualmente, todos os seus navegadores de destaque e seu navegador para jogos, o Opera GX, oferecem acesso à IA para navegadores. A Opera também abriu recentemente um cluster de dados de inteligência artificial alimentado por energia verde na Islândia com supercomputação NVIDIA DGX para expandir rapidamente seu programa de IA e hospedar a computação necessária em suas próprias instalações.

Para se manter na vanguarda da inovação, a empresa também anunciou recentemente seu programa de Atualizações de Recursos de IA, que permite aos primeiros adotantes testar suas mais novas e experimentais inovações de inteligência artificial na versão Developer do navegador Opera One.

Geração de imagens e saída de voz no Aria impulsionadas pelo Google Cloud

A mais recente Atualização de Recursos de IA é um resultado da colaboração com o Google Cloud: a partir de hoje, a Aria, no Opera One Developer, oferece gratuitamente capacidades de geração de imagens utilizando o modelo Imagen 2 no Vertex AI. A partir dessa atualização, a IA dos navegadores noruegueses poderá ler respostas de forma conversacional. Isso é graças ao revolucionário modelo de texto para áudio do Google.

“Acreditamos que o futuro da IA será aberto, por isso estamos proporcionando acesso ao melhor da infraestrutura, produtos de IA, plataformas e modelos fundamentais do Google para capacitar as organizações a traçar seu caminho com a IA generativa”, concluiu Fors.

Programa de Bolsas exclusivo para alunos tech oferece mentorias com grandes profissionais do Google, Harvard, Meta e Xiaomi: últimos dias de inscrição

Aprender e desenvolver a carreira com profissionais de grandes empresas de tecnologia, como Google, Harvard, Meta e Xiaomi, é uma das vantagens do Tech Fellow, programa da Fundação Estudar que entrou nos últimos dias de inscrição. Para concorrer a bolsas de até 95%, que podem chegar a R$ 220 mil, basta acessar o link até 03 de junho.

Além da mentoria com fundadores de startups, big techs e profissionais que são referência em tecnologia, os bolsistas terão acesso a cursos e eventos exclusivos, suporte à carreira; apoio individual e personalizado; suporte à criação de projetos e conexão com possíveis investidores, além de conexão com oportunidades no mercado.

A edição 2024 também conta com as “Bolsas Roxas”, focadas em perfis diversos. Por meio da parceria entre Fundação Estudar, Nubank, Sitawi e Instituto Phi, serão contempladas pessoas em situação de vulnerabilidade social, LGBTQIAPN+, negras e mulheres que desejam seguir seus estudos e carreiras na área de tecnologia em grandes universidades.

“O Tech Fellow impulsiona talentos na área de tecnologia. Temos dados que comprovam que 75% dos Tech Fellows que assumiram seu primeiro cargo de liderança o fizeram em até um ano após formado”, explica Anamaíra Spaggiari, Diretora Executiva da Fundação Estudar.

Pré-requisitos para o Tech Fellow

  • Ser brasileira ou brasileiro
  • Ser estudante promissor na área tech
  • Estar cursando ou em processo de aceitação para graduação ou intercâmbio de longa duração em universidade do exterior ou nas mais bem ranqueadas do Brasil
  • Estar em processo de aceitação, matriculado ou cursando algum dos seguintes cursos:

– Ciência da Computação
– Data Science

– Engenharia de Software ou Computação

– Engenharia Elétrica/Automação

– Sistemas de Informação

– Ou cursos relacionados

Etapas do processo

O processo de seleção para se tornar um Tech Fellow é composto por cinco etapas:

  • Inscrição
  • Entrevistas individuais
  • Avaliação Técnica
  • Aprofundamento com especialistas
  • Painel Final com lideranças do mercado de tecnologia

Serviço

  • Data: até 03 de junho
  • Link
  • Inscrições gratuitas

Disney anuncia hardware de integração com metaverso

A Disney acabou de revelar o desenvolvimento do HoloTile, um hardware totalmente sintonizado com a nossa era tecnológica, conhecida como a era do phygital. Esse termo surge da fusão entre os termos physical  (físico) e digital, descrevendo as incursões tecnológicas que buscam integração entre o mundo físico e o digital.

Segundo o portal Cointelegraph, a Disney propõe uma experiência híbrida através do uso de um “360 treadmill”, que em outras palavras pode ser definido como um piso modular, expansível e omnidirecional e multiúso no metaverso Disney.

O departamento de Imagineering, que leva esse nome por aglutinar em um só termo as palavras imaginação e engenharia, foi o responsável por materializar essa fantasia que permite ao usuário caminhar em qualquer direção desejada no universo virtual. Para além do passeio no qual o usuário pode explorar paisagens deslumbrantes, este hardware irá permitir a  interação com personagens e cenários icônicos do estúdio em diversas aventuras emocionantes.

A integração entre o físico e digital não é mais apenas uma tendência, é uma realidade. Para que esses universos funcionem de maneira adequada e em sintonia é preciso uma infraestrutura robusta nos dois campos. Nesse sentido, é necessária uma boa gestão tanto em facilities quanto em telecomunicação. 

Entenda com a gestão de espaços físicos é crucial para o metaverso

Esta incursão da Disney no metaverso depende do uso do HoloTile, composto por centenas de peças, em um material que lembra um tapete de plástico. Essas partes compõem um padrão geométrico que pode ser expandido conforme o desejo de mobilidade do usuário. Nesse contexto, é necessário instalações físicas propícias para acomodar os equipamentos necessários, e que também possuam segurança e acessibilidade, seguindo as leis e regras locais.

Portanto, a gestão de facilities integrada ao planejamento e implementação da infraestrutura, se torna essencial. Somente assim será possível garantir uma experiência completa e satisfatória para os participantes, tanto no ambiente digital quanto no físico, contribuindo para o sucesso e a sustentabilidade do metaverso.

Da infraestrutura física para o digital: a relevância de uma gestão telecom de qualidade

Em conjunto com busca de explorar oportunidades de crescimento econômico associadas ao desenvolvimento do metaverso, deve vir o investimento em gestão de telecomunicações. Pois, para além impulsionar a economia digital, é necessário tornar o metaverso mais inclusivo, ampliando as oportunidades para uma variedade de usuários.

Tendo em vista essas questões, a gestão de telecomunicações emerge, como um pilar fundamental na sustentação do metaverso. A capacidade de proporcionar conexões estáveis e seguras é essencial para criar uma experiência imersiva e livre de interrupções para os usuários. 

A inserção de uma empresa no metaverso pode exigir uma intensificação da gestão telecom, pois, o metaverso apresenta muitos desafios para a infraestrutura digital, devido à sua natureza imersiva e interativa. Nesse sentido, a Sumus, destaca 4 maneiras de como tecnologias de realidade virtual podem impactar o setor:

  1. Alargamento de banda – o metaverso exige uma ampliação significativa na banda larga para ser capaz de sustentar as interações e transmissão de dados em tempo real, na alta qualidade que as experiências imersivas de realidade virtual exigem.
  2. Expansão da infraestrutura de rede – para suportar a demanda constante por serviços de internet de alta velocidade e redes móveis mais avançadas, as empresas de telecom terão a necessidade de aprimorar a sua infraestrutura física. Incluindo implantação de fibra óptica, investimento em redes de baixa latência e atualização para tecnologia 5G de rede móveis.
  3. Desenvolvimento de serviços especializados – será necessário a criação de serviços personalizados com foco em experiências de metaverso, como planos de dados ilimitados para games e soluções especializadas para empresas que operam dentro da realidade virtual.
  4. Segurança e privacidade – a característica imersiva do metaverso gera a necessidade de um olhar mais atencioso para a privacidade de dados por parte das empresas de gestão de telecom.

Em última análise, a criação da Disney de um hardware de integração no metaverso representa não apenas uma evolução tecnológica, mas também um marco cultural significativo da era phygital. O metaverso traz à luz a importância dos investimentos em gestão de telecomunicações, empresas como a Sumus, desempenham um papel vital na construção de um metaverso estável, seguro e acessível para todos.

Nearsure anuncia 50 vagas de trabalho remoto para profissionais de TI na América Latina

A Nearsure, parceiro estratégico de empresas norte-americanas para soluções de TI, anuncia a abertura de 50 vagas para profissionais de Tecnologia da Informação (TI) na América Latina. Com foco em atender às crescentes demandas do mercado, a companhia busca talentos em diferentes áreas de especialização, incluindo desenvolvimento de software, análise de dados e segurança cibernética.

Todas as oportunidades estão sendo divulgadas nas páginas de carreiras do site e do LinkedIn da Nearsure, com atualizações diárias. Os requisitos para cada posição variam de acordo com o papel, mas os candidatos devem ter fluência em inglês, residir na América Latina e possuir mais de quatro ou cinco anos de experiência profissional.

“Estamos entusiasmados em oferecer oportunidades de trabalho remoto e conectar talentos em toda a América Latina”, comenta Giuliana Corbo, CEO da Nearsure. “Nossa empresa valoriza a diversidade e a inclusão, e estamos comprometidos em fornecer um ambiente de trabalho flexível e acolhedor para todos os nossos funcionários.”

A executiva destaca, ainda, que como marca empregadora a Nearsure busca promover um “percurso de carreira” na empresa, incentivar o talento e proporcionar oportunidades de emprego em setores que interessam e representam um desafio profissional para as pessoas que buscam desenvolver-se e crescer no setor de tecnologia.

Os benefícios oferecidos pela companhia incluem compensação salarial em dólares americanos, trabalho 100% remoto com a possibilidade de utilizar espaços de coworking em toda a América Latina, licença remunerada de acordo com a legislação do país, feriados nacionais, licença médica remunerada, crédito anual reembolsável para benefícios pessoais, atividades de integração da equipe e um dia de folga durante a semana do aniversário.

Para mais informações sobre as vagas disponíveis e para se candidatar, os interessados devem visitar o site e o LinkedIn da Nearsure e se inscrever nas oportunidades que se alinham com seu perfil e experiência. As posições disponíveis não têm uma data de encerramento definida e serão fechadas à medida em que as vagas forem preenchidas.

Sobre a Nearsure

Com mais de cinco anos de experiência no setor e cerca de 90 clientes, a Nearsure é uma empresa de tecnologia com mais de 600 profissionais talentosos e presença em 17 países. A Nearsure trabalha com empresas reconhecidas do setor e PMEs, proporcionando experiência em tecnologia de ponta a cada projeto. Desde soluções avançadas de CRM que agilizam as operações até plataformas envolventes de comércio eletrônico e aplicações web e móveis, a Nearsure capitaliza as tecnologias mais inovadoras para criar experiências digitais únicas.