Magic Trackpad 2 e Magic Keyboard finalmente chegaram em casa!

slide-07-apple-magic-trackpad-2-100622395-large

Depois de uma longa espera finalmente consegui comprar o Magic Trackpad 2 e Magic Keyboard para atualizar os modelos anteriores, que agora vão ficar com o computador de casa. Os preços destes acessórios realmente são elevados, mais se considerarmos que os modelos antigos ainda estão funcionando bem depois de mais de 5 anos de uso e ainda devem continuar por aqui por mais algum tempo, até que o custo x benefício é bastante razoável. Vale a pena conferir.

Microsoft HoloLens pode mudar a forma como assistimos os esportes na TV

HoloLens

Eu encontrei nesta semana um vídeo muito interessante do HoloLens publicado no canal oficial da Microsoft no YouTube e que procura mostrar um pouco como será o futuro da TV, com um resultando realmente incrível. Assista ao vídeo abaixo para conferir mais detalhes desta novidade que deve transformar totalmente a forma como consumimos esportes!

 

 

Via Tudo Celular.

Aerodrums: A bateria que você toca no ar

drums3

Nesta semana eu encontrei um novo gadget muito legal chamado Aerodrums, com o som produzido com os mesmos samples de libraries de baterias eletrônicas (Natural Drum Kit sample library), o que garante uma excelente qualidade de som e ainda conta com um chimbal com 16 graus diferentes de abertura e 58 samples com variações de som, só para falar de um dos timbres utilizados.

A bateria funciona através do computador e uma câmera de alta velocidade que consegue reconhecer seus movimentos e associá-los as diversas partes de uma bateria e o preço da brincadeira é de aproximadamente R$ 650,00, mas atualmente a demanda está muito acima da capacidade de produção e por este motivo as encomendas estão restritas à Grã-Bretanha, Irlanda, Estados Unidos e Canadá.

Conheça mais detalhes deste produto clicando aqui e assista ao vídeo abaixo para ver como as coisas funcionam!

Via UoD.

Veja os 20 modelos de smartphones mais vendidos de todos os tempos

celulares
O site Mobile Expert publicou nesta semana uma lista muito interessante para quem curte celulares que mostra o trabalho do site britânico Telegraph com os 20 smartphones mais vendidos de todos os tempos, veja como ficou a lista com os comentários do site!
Só para constar, eu cheguei a comprar o Galaxy SIII, Motorola StarTAC, iPhone 4s, iPhone 5, Nokia 5130, Galaxy S4, iPhone 6 Plus, Nokia 2600, Nokia 6600 e Nokia 3210.
20 – Samsung Galaxy SIII
Esse simpático smartphone lançado em 2012 vinha de fábrica com o Android 4.04 Ice Cream Sandwich pré-instalado, e foi um dos aparelhos que introduziu verdadeiramente a Samsung no mercado de dispositivos Android, com a impressionante marca de 60 milhões de unidades vendidas.
19 – Motorola StarTAC
Lançado em 1996, é um dos dispositivos mais antigos presente na lista. Apesar de sua aparência ultrapassada, ele foi um grande sucesso de vendas, conseguindo bater a marca 60 milhões de vendas alcançada pelo Galaxy SIII. Impressionante ou não?
18 – Apple iPhone 4s
Estreando no mercado em 2011, este foi o primeiro dispositivo da Apple a contar com a assistente virtual Siri. Ele ainda é vendido até hoje em diversas varejistas, e na sua época, conseguiu ultrapassar 60 milhões de vendas.
17 – Nokia 5130
No décimo sétimo lugar temos um dispositivo que foi lançado em 2007, o Nokia 5130. Seu diferencial era a habilidade de reproduzir músicas e sua câmera traseira de 2MP. As vendas ultrapassaram os 65 milhões de unidades.
16 – Apple iPhone 5
O iPhone 5 foi o primeiro passo da Apple fora do padrão de 3.5” introduzido junto do primeiro iPhone lançado em 2007. Esse dispositivo, lançado em 2012, conseguiu ultrapassar 70 milhões de unidades vendidas, mesmo apesar de só ter sido fabricado durante 12 meses.
15 – Nokia 6010
Lançado em 2004, este aparelho nem sequer contava com câmera frontal ou tela sensível ao toque, porém, ainda assim conseguiu ultrapassar 75 milhões de vendas.
14 – Samsung Galaxy S4
Chegando no mercado em 2014, o Galaxy S4 ficou bastante popular pouco tempo após seu lançamento, sendo um dos aparelhos mais vendidos da fabricante sul-coreana. Ele alcançou o impressionante número de 80 milhões de vendas, até ser substituído pelo Galaxy S5.
13 – Apple iPhone 6 e 6 Plus
Ambos foram lançados em 2014, e foram um dos maiores sucessos de vendas da maçã, conseguindo mais de 100 milhões de vendas. O iPhone 6 Plus foi o primeiro passo da Apple no território dos phablets, com sua tela de 5.5 polegadas.
12 – Nokia 1208/1210
Lançado em 2007, este era um dos modelos que traziam uma lanterninha LED de fábrica. O aparelho contava com uma pequena tela de resolução 96×98 pixels, e mesmo assim, conseguiu vender mais de 100 milhões de unidades ao redor do mundo.
11 – Nokia 3310
Também conhecido como “o celular mais resistente do mundo”, o Nokia 3310 chegou ao mercado no ano 2000, e seus diferenciais eram as versões atualizadas do jogo da cobrinha (snake) e o game Space Impact. Mais de 126 milhões de unidades foram vendidas (e muitas destas devem estar funcionais até hoje).
10 – Motorola RAZR V3
Lançado em 2004, esse dispositivo virou uma febre mundial e sinônimo de “ostentação” (especialmente o modelo dourado da Dolce & Gabbana). Ele conseguiu a impressionante marca de 130 milhões de unidades vendidas, ocupando o posto do smartphone com flip mais vendido na história.
 09 – Nokia 1600
Básico, porém, funcional, o Nokia 1600 lançado em 2006 especialmente para mercados emergentes como a Índia e China, conseguiu ultrapassar as 130 milhões de unidades vendidas.
08 – Nokia 2600
Com sua tela colorida, porém, sem nenhum diferencial como câmera ou Bluetooth, esse aparelho lançado em 2004 foi um verdadeiro sucesso de vendas, ultrapassando as 135 milhões de unidades vendidas.
07 – Samsung E1100
Esse aparelho lançado em 2009 trazia uma bateria capaz de aguentar 13 dias emstandby, o que era um dos seus pontos fortes para venda. Mais de 150 milhões de unidades foram vendidas ao redor do mundo.
06 – Nokia 6600
Mesmo com um formato estranho, esse dispositivo lançado em 2003 conseguiu mais de 150 milhões de vendas, tornando-se um dos aparelhos mais vendidos da Nokia. Ele inclusive apareceu em produções de Hollywood como o filme “Celular: Um Grito por socorro”, o que deve ter ajudado em parte na sua venda.
05 – Nokia 5230/5210 
Rodando sistema operacional Symbian, o Nokia 5230 conseguiu a impressionante marca de 150 milhões de unidades vendidas, mesmo apesar de não contar com conectividade Wi-Fi. Ele chegou ao mercado em 2009.
04 – Nokia 1200
Este é mais um daqueles dispositivos ultra básicos da Nokia, que nem tela colorida possuía. Seu grande diferencial era sua bateria, capaz de aguentar mais de 390 horas de conversação. Mais de 150 milhões de unidades foram vendidas desde seu lançamento em 2007.
03 – Nokia 3210
Esse aparelho lançado em 1999 ocupa o terceiro lugar da lista de celulares mais vendidos ao redor do mundo graças a suas mais de 150 milhões de unidades vendidas. Ele foi o primeiro celular de muitas pessoas, e era particularmente popular entre adolescentes e jovens adultos graças a suas cores.
02 – Nokia 1110
Chegando no mercado em 2005, esse aparelho de baixo custo foi um dos mais vendidos da história, ultrapassando 250 milhões de vendas. Sua tela era invertida, ou seja, apresentava um texto branco em uma tela preta, o que era um de seus diferenciais.
01 – Nokia 1100
O primeiro lugar na lista fica com o Nokia 1100. Ele pode não ter sido tão resistente quanto o 3310, nem tão inovador quanto os iPhones da Apple, mas para sua época, que foi o ano de 2003, ele conseguiu mais de 250 milhões de vendas, e o bilionésimo modelo foi vendido em 2005 na Nigéria.

Vídeo Review da Microsoft Band 2

en-INTL-L-Deimos-NS-MU5-00001-RM1-mnco

Nesta semana o meu amigo Igor que está me devendo um almoço publicou um ótimo vídeo com a pulseira inteligente da Microsoft, que recebeu um belo upgrade na sua segunda edição. vale a pena conferir o vídeo para conhecer um gadget diferente e que poucas pessoas compraram no Brasil! 😉

 

Via Faixa Mobi.

De volta às origens

Há pouco mais de 9 anos eu comecei a escrever por aqui, no início apenas para meus amigos mais próximos, com o objetivo de compartilhar os links interessantes que encontrava na web e contar algumas pequenas histórias sobre minhas experiências com smartphones e outros gadgets. No início era apenas uma forma de passar o tempo escrevendo sobre as coisas que gostava, mas após um ano a brincadeira ficou mais séria e surgiram convites para escrever para grandes marcas, publieditoriais e banners, que na época eram muito clicados e ajudavam a tornar o trabalho rentável o suficiente para me fazer deixar a carreira para me dedicar 100% do tempo para a internet.

Entretanto, após aproximadamente 6 anos surgiu uma boa oportunidade de voltar ao mercado em uma área muito interessante e comecei a me dedicar ao blog em tempo parcial e muito limitado, sendo que nesta mesma ocasião a receita com o trabalho começou a sofrer uma queda com a falta de interesse nos banners, o que me levou a reduzir o tempo de trabalho. Com o passar do tempo o blog ficou grande e muito pesado e os custos de sua hospedagem começaram a superar sua capacidade de gerar renda, deste modo acabei optando por deletar boa parte do conteúdo e recomeçar com um servidor mais barato apenas com um conteúdo mais selecionado, escolhido a dedo entre mais de 11.800 posts publicados.

Com o tempo resolvi dar vida ao antigo canal no YouTube e comecei a gravar mais vídeos, com resultados interessantes e um número de comentários e interações muito maior do que os encontrados aqui no blog, o que indica ao menos no meu caso que as coisas estão andando muito melhor no vídeo do que com os textos. Os vídeos são mais difíceis de fazer e editar, mas as coisas realmente estão mais divertidas! 😉

A parte boa desta história é o fato de que hoje sinto que o blog voltou às suas origens, ao tempo que eu podia compartilhar o que bem entendesse sem nenhuma cobrança de conteúdo original o tempo todo, me sinto mais tranquilo para escrever e indicar as leituras que eu encontrar por aí e achar que valem a leitura e o meu ponto de vista, sem a menor preocupação comercial ou com números. Hoje voltei ao blog de raiz, sem nenhuma preocupação com métricas e provavelmente vou acabar trocando o banner no Adsense na lateral da página principal por um belo blogroll com os endereços dos meus amigos.

É isso aí pessoal, hora de compartilhar e voltar a escrever como no início, hora de voltar às origens do blog, quando as coisas eram muito mais divertidas!